Recomeço - Para todos.

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Dom 14 Set 2014, 13:46

Nate consentia em positivo. Estranhamente Nina não havia mandado nenhuma mensagem secreta. Mas de todo modo isto não a tirava da lista de. TE ODEIO, MORRA. De Nate.

Aliás esta lista é infinita, mas Nina está no topo. Que bom Aileen você saiu dele, auhuhahua!

Então ia ser um coquetel, mas dentro da casa, uma casa que Blake não tinha boas lembranças. Ia começar tudo de novo?...E como aquela menina conseguia ainda sorrir e dizer que estava tudo bem, como se não se importasse com nada? Ela tinha sido ENTERRADA viva, ela tinha estado de frente com a morte, e agora sorria e acenava pra mesma?

Ela deve ser a mais loucas de todos!

E então Blake começava a falar aquelas coisas. Nate suspirou fundo, e não ia deixar baratato não. Aliás ninguém falava assim com ela, ALIAS, ninguém falava com ela.

- Eu não preciso de conselhos de uma garota sem classe, a não ser que eu quisesse bancar a garota estúpida e vazia que não tem nada a acrescentar a ninguém...

Mas Edge já tomava a frente e pedia para Blake para de gracinha. O que não impedia Nate de encarar a menina.

Desculpa mas acho que a Blake é a pior de todas as garotas ali, ela não respeita ninguém, nem nada, faz e fala o que da na telha.
Nossa Nate, parece alguém que conheço, só que ela não usa saias curtas, usa PRADAS.

De todo modo, o foco ali é que Blake passou por algo naquela casa e não iria dividir. Nate já segurava a mão de Edge com força. E então ele vinha lhe dizer que estavam seguros. Ela suspirou fundo, e abaixou um pouco o olhar, mas logo o ergueu, consentindo em positivo.

Tudo bem Edge...estamos.

Sentia a mão sobre a sua, e logo o toque ao rosto e o sussurro, que a fazia aproximar ainda mais a face dele, e fechar lentamente os olhos.Viu? Ela é uma foufa quando ela quer, hahahaha.

O problema é que ela quase nunca quer.

E então Blake vinha falar da apreciadora de jaquetas, mas Nate não se deu ao trabalho. Deixou que Edge respondesse.

Nate soltava a mão de Edge para que ele pegasse a pasta. E como eles não iam falar de sexo, Blake já saia da sala. Edge dava uma orientação a um Omega próximo.

- Procure uma jaqueta, e vai acha-la...

Dizia olhando na direção das escadas, porque Nate viu ela subindo, SÓ QUE EU NÃO ME IMPORTO.
 
- Vou tomar um banho, logo mais é o tal coquetel, e a organizado irresponsável, ainda nem separou os copos...

Ergueu os olhos ao ar, como quem diz. Ugh.

Nate então voltava-se a Edge, e a mão ia ao ombro dele, os olhos ficaram aos dele alguns instantes, e ela entreabriu os lábios para falar algo.

Sim eu tinha um monte de coisa para falar, e explicar que de algum modo eu iria cuidar dele e de nós, para que nada de ruim acontecesse, e queria explicar como me sinto segura com ele por perto...Mas...é tão difícil.

Nate então mordeu com força o lábio inferior e por fim sussurrou.

- Estou com você...

Os lábios se moveram quase num sorriso, e ela logo ergueu-se do sofá.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Dom 14 Set 2014, 13:49

Blake ouvia aquela reação irritada de Nate e logo dava risada, mas Edge falava com ela, e ela entendia muito bem. Somos amigos Ed, eu sempre vou te respeitar, embora você esteja virando um porre....

- Ok...OK....Foi apenas uma brincadeira, você costumava gostar antes...

Os olhos verdes ficaram longos instantes sobre ele. E então ele falava das escolhas dela, e Blake ria alto.



- Podemos ficar a tarde toda falando, acredito que a maioria não esta mais aqui, ou esta em algum tipo de manicomio ...

Os olhos foram a Nate  e depois a Edge.

- Você me lembra cada vez mais o Ryan...

Porque será?...

Ergueu-se então e subiu as escadas.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 14:20

ADENDO:

Blake Blake, será que um dia você vai gostar MESMO de alguém para deixar tudo isso de lado? Quando ficar brincando de ser a "Garota mais arrasadora da faculdade" iria perder a graça? Edge mudou sim, se chama "crescer". Encarar a vida. Não é fácil, mas todos acabam fazendo. Ele ria com o comentário:

- Claro, tenho um POSTER autografado dele emcima da cabeceira da cama!

Era tudo que dizia para Blake. O comentário de Nate estava LONGE de ser injusto. Na verdade, tinha tanta honestidade nele que Edge nem colocaria nada em contrapartida. Sim, defenderia a namorada mas era mais que isso Blake: Era o que você queria que pensasse, Edge sabe que não é exatamente assim que as coisas são, mas você faz questão que pensem assim de forma que porque ele deveria dizer o contrário? E logo dizia a Nate:

- Se ver alguma garota que não conhece pelo caminho, poderia dizer para ela vir aqui ajudar um pouco?

Não era necessário explicar de quem ele estava falando. Natalhie tinha esse dom: Sempre que Edge achava que ela ia ficar reclamando pelas próximas horas ele conseguia deixa-lo em "Xeque" e falar naquele tom vulneravel, de quem precisa ser protegido. E para isso ele sempre esta la.

- Certo...Eu vou estar aqui fazendo de conta que me importo mais com isso tudo do que com você ok?

E beijava o rosto dela, com o beijo "acidentalmente" pegando no canto dos lábios. Entretanto, quando ela dizia aquilo antes de se levantar fazia com que ele levantasse apressado atrás, soltando a pasta mais uma vez antes de comentar:

- Eu sei, e não estaria aqui e nem me sentiria bem se fosse diferente. Você fala muito sem dizer nada Natalhie, espero que eu consiga pelo menos as vezes fazer o mesmo...

Ele sentia o peso da caixa dentro do bolso do casaco. Ainda não era o momento, não ali. Existiria uma hora melhor, mais calma, mais tranquila. Seguraria o rosto da namorada deixando um selinho antes de falar.

- Certo, não deixe de gritar se precisar. Vou estar aqui.

Afinal era o que Edge sempre fez: "Estar ali" para Natalhie...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 15:19

- Talvez o problema esteja na sua imaginação...

Ela sussurrou, mas talvez Peter fosse capaz de escutar, embora não tenha sido a real intenção.

E sim, Peter... Como você, ela também era novata, mas certamente estava bem mais socializada, o que também eram frutos do jeitinho amigável, apesar da timidez de Aileen. Enfim, não sabia se ficava ou não satisfeita ao ver que ele estava a seguindo, mesmo ciente que seria muito melhor fazer aquilo acompanhada. Por isso, quando ele chegou perto, Aileen o recebeu com um breve sorriso. Ainda mais diante da 'revelação' dele, e ela conteve a vontade de corrigi-lo...

Você não parece ter muito tato, amigo. Mas tudo bem.

- Não se preocupe, você vai se adaptar rápido – era como se tivesse compreendido, ou interpretado da sua maneira, a hesitação dele e esse desejo enlouquecido de se ‘esconder’ – As pessoas são muito receptivas e gentis por aqui – lembrou-se de um detalhe – Bem, a maioria das pessoas.

Toma, Nate, teeee amoooo!

Verdade, o cachecol estava com um cheiro gostoso, pois quando borrifou o perfume no pescoço, a peça já estava enrolada no mesmo, se tornando um alvo também. Todavia, um aroma adocicado não parecia ser a isca perfeita para atrair a criança... Aileen pensava em algo mais próximo de conforto e, principalmente, segurança.

- Vamos lá, então...

Aileen finalmente abriu a porta e entrou, mas dentro do aposento, deixou que Peter seguisse na frente, e a reação da pequena foi instantânea. Aproveitava para olhar em volta e bastou uma rápida analisada, e ela soube de quem era o quarto.

E um arrepio desceu as suas costas, mas ela nada comentou.

Ficou em silêncio, porém a atenção cravada na menina, como se estivesse com medo dela simplesmente se transformar. E quando ela indicou o aparador, instruindo Peter a afastá-lo...

- Tome cuidado – sibilou para o novato e então voltou a olhar a garota, tentando mais uma vez se comunicar – Não vou te fazer mal... Só quero ajudá-la. Meu nome é Aileen... Pode me dizer o seu?

Tirou o gorro da cabeça, o que bagunçou um pouco os fios castanhos, mas ela não se incomodou em ajeitá-los.

- Quem... é você?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Dom 14 Set 2014, 15:23

Injusto ou não, Nate falava. E ela realmente não se importava em saber se Blake era assim porque era, ou porque fingia, ou porque interpretava, ou porque dançava a Conga. Ela simplesmente não se importava com a garota, então qualquer tipo de refugio psicológico dela não era nem de perto preocupação de Nate.
Edge falava sobre ela dizer a garota que ela não conhece ir ajudar ele, e Nate somente arqueou a sobrancelha para Edge, como quem diz.

NEVER.

Ela dizia que ia tomar banho e a frase dele a fazia morder de leve o lábio inferior para segurar um sorriso ali. Porque você faz isto Edgeeeeee.

Odeio quando você me desarma.

Sentia o beijo que tomava o canto de seus lábios, e ela logo erguia-se do sofá e já caminhava na direção das escadas quando Edge vinha em seu caminho. E ele dizia sobre ela falar muito sem ao menos abrir a boca.

E era verdade, Nate não era de ficar tagarelando, a não se quando resolvia reclamar, mas falar de sentimentos, de tudo que sentia por Edge, tudo que eles passaram, ainda era muito difícil para el,a talvez sempre seria.



- Você consegue...Bem melhor que eu....

Ela dizia sentindo o selinho aos lábios, a mão tocou o rosto dele, e ela fechou lentamente os olhos, deixando-se sentir o gosto do beijo. E ficava quase viciante aquilo.

TOME SEU RUMO NATE, já já ta colando papel de bombom na agenda.

CALA A BOCA.

- Tudo bem, mas não demore para se arrumar, e pelo amor de Deus, não coloque um casaco de esquimó e não use óculos escuro dentro de casa e ....

Ela pausava se aproximando dele, a pequena mão foi ao queixo dele, virando o rosto dele pra ela, e ela o fitou.

- Não olhe com seus olhos azuis para ninguém....

Cerrava os olhos pra ele, e logo o soltava, seguindo rumo a seu quarto.

MEU QUARTO. E SE EU SOUBER QUE TEM ALGUÉM LÁ, CABEÇAS, CORPOS E MENTES VÃO ROLAR.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 20:09

ADENDO:

Droga Natalhie, NINGUEM entende, mas só você me conhece, e só eu conheço "A Natalhie".

Sem caprichos, sem adendos, sem pradas. Só você.

- Eu realmente espero que sim...

Não completava, não conseguia. Natalhie você briga, você faz birra, bate, tem ciume. Voce demonstra o tempo todo. Eu só estou aqui, parado, oferecendo conforto quando você precisa. Isso é o bastante? Se você realmente soubesse...bem, isso vai ter que ficar para outra hora. Se você sabe, já é bom o bastante.

Naty, você nunca deu bola para o que ninguém pensa. Quer colar papel de bombom na agenda cola. Acha que Edge da alguma atenção para meio universo que acha ele louco por namorar você? Não. Ele gosta de você, vocês se gostam e isso basta. Ele sabe, entende como você é e ele realmente sabe de seus problemas. Dessa forma, o resto é apenas uma distração. Ele tem você, e se sente grato por você estar com ele. Gostaria de que fosse mais claro.

- E faz algum sentido se não for para você?

Ja estava sem os óculos e retirava o capuz olhando para ela. Ainda segurava a mão da namorada enquanto ia até as escadas. Vai escoltar ela até o chuveiro Edge?? Suspirava ao ouvir aquele comentário a respeito de não olhar para ninguém mais, e dizia em resposta.

- Não sorria para mais ninguém e temos um acordo.

Sim, porque mesmo você tendo seu genio maravilhoso ele também tem ciume Natalhie, ainda olhava você subir e então prontamente começava a delegar as funções. Onde diabos está você Aileen?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 20:24

Apesar de perceber que ela havia sussurrado alguma coisa, Peter, retraído como estava, sequer pediu-a para repetir. Foi algo com “imaginação”, ao menos, a palavra que ele pode entender. E sim, a garota até passava um pouco de confiança para ele, uma vez que também não mostrou nenhum interesse com perguntas corriqueiras. Talvez ali ela tivesse marcado o primeiro e mais importante ponto com ele.

Adaptação não era muito a questão, também, timidez não fazia parte do rapaz a partir de certa medida de afinidade, a verdadeira questão era a própria questão, pode? Qual era a questão afinal? Provavelmente os acontecimentos contínuos e repentinos de sua vida lhe fizeram recuar um pouco diante de todas as coisas. Talvez, isolar-se do mundo era o que ele buscara naquela postura tão auto defensiva, talvez a dor que causara fora suficiente para temer magoar mais alguém diante de tão recente fato.

O fato agora era que Peter, através das palavras de Aileen também pode perceber que estava bem clara sua posição e postura: a auto exclusão. Ela o desvendara rapidamente. Estava assim tão na cara?

O sorriso da garota o encorajara um pouco e, um tanto comedido naquele ato, sem muito o que falar, seguiu-a até o quarto:

Bom gosto para perfumes. De quem quer que tenha feito ele chegar até você.

Quando entraram no quarto ficou claro que realmente Peter teria de assumir as rédeas da situação. Alguma coisa na menina parecia ir contra Aileen, com Peter? Era diferente. Mas “tome cuidado” talvez demonstrasse que alguma coisa na menina também perturbava a garota, o que explicava de certa forma o certo, e por assim dizer, “desconforto” entre ambas.
Pelo contrário, o rapaz era completamente receptivo para com a menina, e tão logo fora solicitado em auxílio já se prontificou em seguir na direção da pequena. Não havia medo por parte dele, era uma criança aos seus olhos. Inocente, talvez. Mas as intenções eram puras.

Eu posso ajuda-la. Sorriu para a menina carinhosamente e arredou o aparador com cuidado. Você está perdida? Conhece alguém aqui? Eu posso ajuda-la, bem... Nós podemos, não é Aileen?

Agora sabia o nome do garota.

Sussurrou baixinho para a menina: Não dê bola para essa chata. Ela parece ser legal, no fundo. Tentava ganhar a confiança da pequena.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 21:11

Dentro do novo e temporário quarto de Natalhie, era impossível para Aileen relaxar, ainda mais diante de uma fantasminha que aparentemente não gostava de sua presença. No entanto, fugindo do assunto principal, Peter resolveu elogiar seu cheiro, causando uma reação instantânea. Aileen o encarou, os olhos claros, surpresos, e um delicado rubor se espalhou pelas bochechas quase que de forma automática.

Certamente não estava esperando algo assim...

- Obrigada... - sussurrou mais uma vez.

Manteve-se um pouco afastada deles, como se estivesse fornecendo certa privacidade, e ainda esperando qualquer resposta vinda da pequena. E ao vê-lo tão próximo, e talvez em perigo, Aileen sentiu-se péssima.

- Oh, sim... Claro que podemos - sorriu - Mas já que confia tanto nele... Por que não conta quem realmente é?

E pela entonação que colocou na sugestão, não estava pedindo para que lhe contasse o nome.

Escutou o "carinhoso" adjetivo vindo de Peter. Não levava jeito com crianças? Aileen estava prestes a discordar.

Aproximou-se de Peter e novamente falou baixinho, mas não era segredo.

- Eu sou chata e você não tem modos, sr. Sem Nome.

E ela riu, uma risada suave e delicada, que por um instante, quebrou um pouco o clima sombrio.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Dom 14 Set 2014, 22:30

A garotinha ficava com os olhos fixos em Peter. E ele logo afastava a mesinha e eles podiam ver uma espécie de saída de ar.

Blake subia as escadas e caminhava pelo corredor em busca de seu quarto.

Não...eu não tenho boas memórias desta casa, tenho as piores possíveis, mas eu não vou deixar todo mundo desesperado, são apenas lembranças.

M não está aqui, e nem aquele....aquele porco nojento.

Enfim. Vamos tentar tirar o melhor da situação que é o que você sempre faz....

Ouviu sons vindo do final do corredor e não demorou a ir até lá, foi quando viu Peter afastando a mesinha e Aileen ao seu lado. Os claros se abriram mais ao ver aquele duto de ar. Onde o sistema de aquecimento da casa parecia funcionar.

O que diabos eles querem com aquilo?. Os olhos piscaram freneticamente e Blake quase podia sentir o corpo sendo arrastado naquele mínimo espaço.

- Nem fodendo...

Blake entrou ao quarto em um rompante, passou pelo casal e sem dizer uma única palavra, ela voltou a mesinha ao lugar, empurrando-a com os joelhos, os olhos foram fixos ao de Peter e depois Aileen.

- Não mexam nisto!


Geralmente eu não ajo assim, mas vamos convir que ninguém é de ferro...Eu ainda sou humana, vamos ver até quando....

E sim Blake vai manter o olhar fixo em vocês, e ela simplesmente esta puta porque vocês mexeram naquela merda, porque vocês ficam mexendo onde
não devem, mesmo vocês não tendo a mínima ideia do que foi tudo aquilo.

Então se eu pareço uma louca? Foda-se.

E a garotinha, vai sumir num passe de magica, quase no momento que Blake volta o móvel ao lugar.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 22:34

Blake não sendo Blake? Já???

Haha se ferra Pate. 1x0...

<editando, montando a ação no lugar desse post> hohohohohoho

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Dom 14 Set 2014, 22:36

Nate ia seguindo pela sala de mãos dadas a Ed até as escadas, e ele dizia que esperava que sim. Ela tombou de leve o rosto pro lado e consentiu em positivo.
Nate ouvia ele falar daquele jeito e ela logo sussurrou.
- Eu quase consigo acreditar que vamos ter uma noite tranquila neste lugar, apesar dos pesares....É nossa primeira viagem...”juntos”...
Dizia ao pé da escada muito baixo para somente ele ouvir.
Ele dizia para ela não sorrir para mais ninguém, ela fazia um bico.
- E desde quando eu sorrio para alguém?....- Arqueou a sobrancelha e logo aproximou o rosto, e deixou um demorado selinho aos lábios dele, enquanto subia as escadas.
Foi a tempo de ver Blake entrando no quarto dela como uma louca.
- Mas o que...
Nate apressou os passos, e o salto do sapato boneca ecoava ao corredor, então ela chegou ao quarto. Vendo Nate, Peter e Aileen.
- O QUE está acontecendo aqui? O QUE vocês estão fazendo no meu quarto?!!!
Nate entrava ao quarto e o dedinho já ia certinho na cara de todo mundo.
- Não acredito que vocês estão invadindo o meu quarto. – Os olhos foram a Aileen.


- E você já está com outro homem? Você está cursando a escola da Blake?...[

Voltou-se a Peter.
- Você também usa jaqueta?!


- SOME TODO MUNDO DAQUI!


Dizia e já apontava a porta do quarto. E até parece que vou dar algum recado para esta depravada.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quem

Mensagem  Duxhill H.U. em Dom 14 Set 2014, 22:43

(Quem manda vcs mexerem onde nao devem? U.u blake voltando a ser blake em 3 2 1

_________________
. Ortus eruditio et dux optimus .
avatar
Duxhill H.U.
Admin

Nacionalidade : Cambridge, USA
Idade : 161
Cargo : Almighty
Humor : Hell
Mensagens : 2086

http://theotherside.criaforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 22:45

Natalhie Archibald escreveu:
- E você já está com outro homem? Você está cursando a escola da Blake?...[

[ahushuashuauhshuas! Como n gostar da Natalhie???]

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Duxhill H.U. em Dom 14 Set 2014, 22:49

Nate sendo Nate

_________________
. Ortus eruditio et dux optimus .
avatar
Duxhill H.U.
Admin

Nacionalidade : Cambridge, USA
Idade : 161
Cargo : Almighty
Humor : Hell
Mensagens : 2086

http://theotherside.criaforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 23:00

Para Peter não existia um “clima sombrio”. Era ele, Aileen e a garotinha. Onde haveria tanta preocupação naquele momento? Não... E no auge da sua ingenuidade conseguiu arrancar uma risada espontânea da garota. Aquela, na verdade, nem fora sua intenção. Não era para ela ter escutado... Puts! Peter quem ficou sem jeito com o ocorrido, então.

Antes que pudesse continuar aquele momento de descontração, mal entre abriu os lábios para falar e já via o furacão ruivo voraz a seguir na direção de ambos. Era mesmo a garota que encontrará instantes atrás, durante sua chegada? Bem, independente da resposta: “As pessoas são muito receptivas e gentis por aqui”. É, Peter, Aileen deveria ser uma novata também.

Conteve-se apenas em habilmente, desviar do corpo de Blake com um passo rápido para trás. O corpo se chocou com o de Aileen e, não fosse Peter segurar no braço desta, teria caracterizado a queda da mesma. Naquele momento, devido ao mal que Blake lhe fizera involuntariamente com sua talvez “primeira amiga”, um sentimento amargo lhe ferveu o sangue. O cenho cerrou ferozmente e aqueles olhos mais cinzas do que azuis pousaram sobre a face aparentemente descontente de Blake.

Qual é a sua garota? Esbravejou e só então buscou a menina que havia desaparecido num piscar de olhos. Teria Peter perdido ela de vista no meio de tanta confusão. E tão rápido fora aquele sentimento de íra, que logo o rapaz esquecera de Blake, tratando-a como um vulto, apenas, esquecendo-a por completo na busca do passar dos olhos pela extensão do quarto. Não encontrou a garotinha...

Que merda! Tudo culpa sua!

Por um minuto pensou em saltar no pescoço da ruiva mas, a educação que recebera não lhe permitiria jamais, por tão pouco, um ato mais agressivo. Mal tornou a olhar para Blake e... SÉRIO, CARA?! Outra desesperada a berrar na porta do quarto. E pior, a ofender Aileen. Ah, paciência, por que me abandonaste!

Era só o que me faltava! Isso não é um convite de boas vindas, deve ser o sanatório. E, não sou médico psiquiatra pra tratar de duas retardadas!

Sim, enfatizara o “retardadas”, num tom de voz mais pesado. A próxima palavra saiu calma, com um sorriso falso devido as circunstâncias, para Aileen, era o melhor que poderia oferecer a ela naquele momento, infelizmente:

Me desculpe!

Peter soltou o braço da jovem, torcendo para não tê-la machucado e tão rápido tomou o caminho da porta. Para Nate parecia um touro bravo seguindo na direção da mesma. O objetivo era sair dali, deixar as coisas assim e tentar reencontrar a menina. “Coitada”, pensara, deveria estar desesperada.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Dom 14 Set 2014, 23:32

Quando a porta se abriu, Aileen não demonstrou a menor surpresa... até ver de quem se tratava. Blake? E estava tão zangada... Xingando e agindo de maneira desesperada, realmente brava com eles, e aquele nem era seu quarto! Ou teria Aileen se enganado...? Não, não estava errada. Mas qual razão para tanta... Ai!

Por reflexo, Peter a segurou no momento certo, impedindo um desastre ainda maior, e permaneceu a segurando durante o desenrolar da confusão, certamente... Opa. Pela expressão contraída, ele também estava chateado.

- Blake, por favor... se acalme...

Mas não adiantava.

Fechou a passagem recém descoberta por eles, e na mesma hora, Aileen identificou um problema passado. Assim como também notou o repentino sumiço da criança. A tensão estava aumentando e Peter não se manteve calado, e ela instintivamente se colocou na frente dele, bem... até o máximo que o aperto no braço permitia. E deixando o que já era ruim ainda pior... Ah, cara... Natalhie. Quando a ‘amiga’ a encarou, a violinista engoliu em seco, na mesma hora estampando a placa de CULPADA no meio da testa.

- Isso está ficando fora de controle...

Após as palavras irritadas, Peter a liberou e tentou ser ainda simpático, mas Aileen sabia o quanto estava lhe custando. Péssima primeira impressão, meninas... e ela apenas sentiu que deveria defendê-lo. Vira tormento em seus olhos, e isso a balançara de um jeito estranho. Quando o viu se dirigir até a porta, foi a vez dela segurá-lo pelo braço, incontáveis vezes mais delicada do que ele, e assim, o impedindo de se afastar. Agora, elas podiam gritar as piores ofensas, mas a atenção de Aileen estava em Peter.

- Você não vai encontrá-la... – fez uma pausa significativa – Se ela quiser te ver novamente, vai achá-lo. Escute... Precisa enxergar além... Acredite em mim.

Enfim, virou-se para as meninas, unindo as mãos diante do corpo, como se estivesse se desculpando – o que no caso de Natalhie, não surtiria efeito algum.

- Não queríamos invadir seu quarto, Nate, e muito menos... – olhou para o aparador recolocado por Blake – Não estamos sozinhos. Devemos... tomar cuidado.

Encarou Blake e a ruiva sentiria que Aileen estava tentando dizer algo.

Afinal... por acaso ela achava que a diversão dos dois era ficar brincando com aparadores e desvendando passagens secretas?

- Sinto muito...

Sim, ela sente... sente demais.

Desculpa, Blake... Nate... Novato...

Mas parece que o jogo recomeçou.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 09:31

Não adianta Peter. Ela não vai mudar um milímetro a forma de reprovação como está olhando pra você.
Ele fazia aquela pergunta, e ela tinha vontade rir na cara dele.
Por n motivos, que não me compete explicar.
Não foi uma temporada boa para Blake a passada. Além de remexeram na cabeça dela, foi acusada da morte de muitos alunos, o peso fica nas costas.
Sim! Porque vocês acham que ficaram passeando na minha cabeça e está tudo bem?...Claro que está, adoro quando alguém invade minha cabeça e vivencia minhas lembranças, tanto as boas como as ruins, fodam-se.
Eu sei que no fundo vocês estavam me ajudando, ou que Noah não sabia o que estava fazendo. Mas esta quase impossível colocar as coisas no lugar agora. E ter auto controle, e não me irritar quando novamente vejo vocês remexendo o passado.
Vocês não sabem de porra nenhuma sobre estes dutos e esta casa, então não mexam.
Então Blake limitou-se a responder a Aileen.
- Eu to calma, gatinha...
E o olhar foi a Peter, você acha que eu não conheço este tipo de gênio e não sei a vontade que você estava. Mas como te disse, não movo uma palha. Quer explodir? Explode!
Ele dizia que era tudo culpa dela, agora o sorriso saiu fácil, e quase cínico.
- Anota na conta...
Isto anota lá na conta das culpas da ruiva, vai estar la todos os relacionamentos terminados, os ex-psicoticos e o incêndio da antiga sede da ZBZ, acho que tem mais algumas coisas, como encobrir a loucura do Wayne e esconder coisas achando que é pro bem de todos, e esconder coisas de si mesma.
Chega uma hora que você não se importa mais. E ai sim é quando está se importando demais.
Nate então chegava gritando no quarto e Peter surtava. E Blake somente analisava a situação, sem arredar de perto do aparador. Aileen tentava consolar o rapaz, se justificar, resolver a situação. Era uma santa mesmo por aturar tudo aquilo.

Blake suspirou fundo e desencostou do aparador, porque a Nate ia já dar conta de expulsar todos. Ela caminhou até Aileen.

- Aileen, nós nunca estamos sozinhos...Apenas fique longe da porra dos dutos de ar desta casa...ok?...

Ah se você vê fantasmas e eu vejo gnomos, vai ficar pra depois.


Preciso colocar a cabeça no lugar.

Passou por Peter, e deixou o ombro esbarrar nele, do tipo. Sai daí.

- E você vai tomar um suco de maracujá, novato...

Deu as costas e saiu do quarto, e de la seguiria pelas escadas, fitava Edge de canto de olhos.

- Vou buscar as bebidas...


E sairia da casa pra hummer, e de boa ela vai voltar  vai ser como nada tivesse acontecido, Blake sendo Blake.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Seg 15 Set 2014, 09:33

Nate estava la com aquela pose. SAI DO MEU QUARTO SEUS DESAJUSTADOS.
E então aquele garoto parecia chamar ela de retardada.
Me?...
Ela estendia a mão ao ar de palma aberta e girava a mesma, como quem pedia atenção a uma criança.
- Helooooou! Vocês invadem meu quarto e eu sou retardada?
O olhar foi pra Aileen e depois voltou para o garoto.

- Você precisa procurar no dicionário o que significa retardado, vai estar lá: Entrar com uma garota esquisita no quarto alheio para fazer-sei-la-o-que, e depois agir como um louco insano, maloqueiro, desajustado.
Sacudiu a mãozinha ao ar e depois apontava a porta.
- Saia do meu quarto e arrume outro corte de cabelo, ele te deixa com cara de mendigo....
E finalmente Blake já saia.
- Ugh! Alguém precisa explicar pra esta garota que existem meias pretas de lã no mundo, ela não precisa abandonar a mini saia dos anos 60.
Fez bico com a boca, Aileen vinha se desculpar.
- Claaaaro!! Você nunca quer! Você não queria enfiar a língua na boca daquele garoto, você não queria piscar pro meu namorado, você não queria dormir abraçada com a jaqueta dele! Você não queria ir embora e não dar satisfação, você nunca quer nada Aileen, o mundo conspira contra você e você a pobre alma abandonada que vai embora....
Nate suspirou fundo, e já nem olhava mais Peter o olhar foi incisivo em Aileen.
- Sai daqui...Sua...Sua....Sua megera!
Assim que eles saíssem Nate ia bater a porta e ir até o closer contar os Pradas. Vai que aqueles desclassificados pegaram algum.
HAHAHA

CALA A BOCA NATE.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 10:41

Enfurecido com os modos de Blake e Nate, Peter seguia com aparente agressividade em direção da patricinha, mas logo fora interrompido pelo toque a tentar acalma-lo de Aileen, algo que, sacanagem! O desarmara. Ele parou, de súbito, voltou o olhar já mais consciente para a garota que lhe tomara o braço e tão logo a ouviu, falou:

Assim espero, quem sabe poder explicar a ela que certas pessoas parecem ter recebido a educação de porcos.

Levou a mão até a mão de Aileen, que o segurava, e gentilmente desvencilhou os dedos dela do antebraço. Aileen era capaz de descobrir muito mais naquele toque do que simplesmente através das palavras do rapaz. O corpo estava em repleta tensão, a musculatura contraída em puro stress. Era notável que o rapaz estava perturbado com alguma coisa.

“Anotar na conta?” Há! Sério que precisava lembra-lo de fazer isso? Peter era bom o suficiente para ajudar as pessoas, assim como difícil de ser desdobrado diante de situações que lhe perturbavam diretamente. Sabe, aquilo não fora com ele. Dane-se o que pensariam ou falariam sobre o rapaz, mas... Bem, deixa pra lá. Eles ainda nem eram amigos para ele tomar as dores de uma garota desconhecida. Aparentemente mais calmo então, ele seguiu até a porta do quarto onde parou frente a frente com Nate, fitou a mesma nos olhos e levado o dedo indicador a testa dela, deu uma cutucada de leve seguido das palavras:

Prazer, Cabeça Oca! Eu sou o Novato, mesmo!

Riu para ele em total encenação irônica. E logo fechou a cara novamente dando-lhe as costas. No caminho que seguira até o seu quarto ainda pode ver a ruiva no corredor mais a frente. Ela saíra antes de Peter.

Vai ver onde vou enfiar o suco de maracujá... Murmurou baixinho de modo que ela não seria capaz de ouvir.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Seg 15 Set 2014, 10:47

ADENDO:
 
Nate sentiu o toque a testa e logo recuou um passo com a cutucada na testa os olhos azuis ergueram-se quase vesgos na direção do dedo de Peter. E ela estava prestes a chamar a policia, quando ele disse aquilo e passou por ela. Ela virou para ele e sacudiu a mãozinha ao ar.

- Você precisa de um psicólogo! Mas que não seja a Blake, ou só Deus sabe as consequências!!!



E ele saia do quarto daquele jeito, Nate girava o dedo indicador próximo a cabeça, do tipo: Que sujeito maluco.

- E não volte mais aqui, seu Maniaco!

Ok vamos contar meus Pradas. Eu trouxe 40, ESPERO que estejam todos aqui!

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Zachary Mateschitz em Seg 15 Set 2014, 11:54

Ok, quem é essa vaca?

Posso ter saído dos Motoqueiros Selvagens, mas pelo menos não sou tão fútil quanto a protagonista de Patricinhas de Beverly Hills, “Nate”.
Mas não respondo agressivamente, ao menos, não como ela gostaria, me limito a olhar para Nate e dizer – Entendi porque tocaram fogo na casa de vocês... E mesmo depois de ver tanta gente morta, carbonizada, acredito que até amigos seus... Você é tão profunda como uma poça d’água ao se importar com minha aparência deste modo? Desculpa, mas não quero perder meu tempo perto de pessoas como você. Aliás, tá perdendo tempo precioso aqui fora, não? Talvez seja uma boa ir para o shopping comprar sapatos... Aposto que você deve ser uma dessas garotas que matariam a mãe por um sapato – Não resisto em responder. Apenas aceno com a cabeça para o “Vice-Boss e a Vice-Queen”, que deve ser tão tosco quando sua namorada, e passo ao seu lado, seguindo para meu quarto.

É difícil compreender. Esses veteranos passaram pelo inferno na terra.

Eu vi as fotos.

Vi pessoas completamente deformadas, carbonizadas, irreconhecíveis... Há diversos corpos que sequer foi possível fazer qualquer tipo de reconhecimento, estão aguardando exames de DNA.

E eles agem assim?

Minha irritação é tanta, que mal noto a ruiva se dirigindo a mim.

Vai ser um ano bem solitário, Ezio.

Não que eu vá me importar muito, dado ao tipo de pessoa que estuda aqui.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Depois da recepção “calorosa” que tive, vou para o quarto desfazer minha maça.

Trouxe tão pouca coisa que chega ser ridículo, principalmente por conta do tamanho do quarto.

Por sorte, a universidade teve o cuidado de enviar roupas de cama para mim, pois não trouxe nenhuma.

Abro a mochila e descarrego minhas roupas... Elas não ocupam nem metade do guarda-roupas.

Pego os objetos que uso para correr, e os coloco na parte que ficou livre do guarda roupa.

Por fim, apanho o porta retratos com a foto de Natasha e o coloco ao lado da minha cama.

É uma foto que tiramos no Central Park, um selfie.

Exibo um sorriso cansado ao vê-la. Já estou com saudades.

E então, ouço a gritaria.

Mas que porra... Esses riquinhos de merda não sabem ficar em paz não? Suspiro, enrolando um frequencímetro no pulso, colocando meu Iphone no bolso (obrigado pelo presente, Ironman) e vou até a origem dos gritos.

A contra gosto, afinal, nem sei porque estou indo ver se estão bem.

E então, vejo o cara ameaçando socar o suco de maracujá no rabo da ruiva gostosa.

Dio... Onde fui amarrar meu burro?
avatar
Zachary Mateschitz

Nacionalidade : New York, EUA
Idade : 23
Cargo : Calouro
Humor : Incógnita
Mensagens : 375

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 13:24

Se um dia, alguém lhe chamasse de santa, Aileen certamente soltaria uma alta gargalhada e balançaria a cabeça em gestos negativos.

Divindades eram puras e intocáveis... E a alma dela não era assim.

Ao menos era dessa forma que a irlandesa podia definir, e não estava se referindo ao fato físico, pelo contrário.

Completamente contrário.

Ninguém estava remexendo o passado, ruiva... Ele que estava voltando para perturbar. E você, experiente como era, deveria ser uma das primeiras a saber disse, não é mesmo? No entanto, Aileen compreendia sua delicada situação. E como não poderia? Junto dos outros, ela também fez um demorado e sofrido passeio pela sua mente, descobrindo detalhes de uma vida atormentada... E ela simplesmente podia definir você, mesmo sem te conhecer, e ironicamente conhecendo bem agora, como uma pessoa muito forte – mas não feita de ferro. Por isso, não disse nada, até mesmo com o último desabafo de Blake. Mesmo assim, com a expressão séria, Aileen a encarava... e estava longe de aceitar ordens.

Não era apenas o seu passado, Blake.

Então, as palavras de Natalhie a pegaram de surpresa, que podia ser ou não impressão sua, mas... existia rancor ali? Mágoa...? Certo, chega... Aileen estava cansada. Mal notou que apertava o braço de Peter com mais força do que a necessária, até que ele a afastou com delicadeza, embora esta não definisse seu humor atual. Mesmo com Blake fora, Natalhie seria capaz de estourar todos os miolos do novato com facilidade.

Aileen ainda pensava no que Nate tinha dito e...

Aquilo a deixou para baixo.

Por fim, Peter foi embora, mas não antes de lançar uma última provocada, terminando de tirar Natalhie do sério. Só restavam as duas agora. Olhando para a porta, ela tentou uma nova comunicação, na verdade, algo mais parecido com um desabafo.

- Você tem todo o direito de estar zangada, Natalhie, mas... eu não te abandonei – os lábios se contraíram de leve – O mundo não conspira contra mim, mas ele levou minha mãe.

E por que ela tinha a leve impressão de que existia um ‘algo mais’?

- Mas estou aqui de novo, e você terá que aceitar. Aceitar também que não sente tanta raiva como deixa parecer, principalmente.

Ainda sem encarar Nate, ela saiu do quarto, a deixando com seus tão amados pradas.

Pode dar seu ataque de novo, Nate, e fingir que a odeia ainda mais agora.

No corredor, uma ZBZ avisou a Aileen que Edge estava precisando falar com ela, e a violinista deduziu que poderia ser sobre alguma recomendação de Nina. Seguindo até a escada, viu o motoqueiro de antes no meio do caminho, parecendo um tanto perdido. Já imaginava qual poderia ser a razão, então tratou de se adiantar enquanto passava por ele.

- Foi apenas um furacão humano... Mas agora estamos seguros – ela sorriu e acenou, continuando com os passos até os degraus.

Já no andar de baixo, procurava Edge discretamente, não querendo que isso chegasse aos ouvidos afetados de Natalhie. O encontrou próximo da cozinha, e chegando por trás, cutucou seu ombro com o dedo indicador.

- Você queria falar comigo, Edge?

E por incrível que pareça... ela parecia um tanto aborrecida, porém jamais descontaria suas frustrações em alguém, ainda mais em Edge.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Seg 15 Set 2014, 13:39

ADENDO:
 
Nate  ouviu as palavras de Aileen, e ao final ela suspirou fundo, e fechou lentamente os olhos, buscando uma calma que nem de longe ela possuía, e então os olhos se abriram, encarando a menina nos olhos...
- Ail...- Chamava pelo apelido de quando eram amiga, isto significa que ela lembra de você, mas também significa que ela iria quebrar seu coração, em mil pedaços, e não iria se preocupar em junta-los.
- Todos nós sofremos, todos nós temos nossas dores, eu infelizmente não me importo com a sua. Por mais que possa parecer o fim do mundo para você ter pedido sua mãe. Eu nunca tive uma! E isto não me definiu, eu nunca aparentei ser fraca ou destrambelhada! Eu nunca fiquei de cabeça baixa para os acontecimentos e para a vida. EU nunca me coloquei no papel de vítima! Você simplesmente colocou toda sua dor naquela maldita caixa de violão e fica carregando para cima e para baixo, como se fosse uma cruz e você não suportasse carregar. ARRUMANDO desculpas para justificar a forme como você foi fraca e covarde, e foi embora!

- Eu nunca vou te perdoar, eu nunca vou ter pena de você, eu nunca vou reconhecer sua dor, eu nunca vou achar que você é a vítima!

- Você perdeu sua mãe? Eu nunca tive uma! E perdi a única família que eu possui quando você foi embora! E mesmo assim eu não fico cabisbaixa com esta cara de songa bancando a coitada e errando, erros atrás de erros e colocando sempre a culpa no acaso, no mundo injusto ou na falta da sua mãe!
- Não vamos comparar dores, vamos comparar a forma como você desistiu tudo e se exilou. Porque é sempre mais fácil para pessoas como você irem embora! Você tomou o caminho mais fácil e qualquer pessoa. QUALQUER PESSOA, olha pra esta sua cara e so vê uma menina que sofreu, sofre e sempre vai sofrer. E eu odeio pessoas assim! Odeio a forma como você finge que o mundo te tirou algo e que por isto você precisa ser uma eterna mártir! Acorda Aileen! Acorda!

- Você é uma perdedora! E desde pequena eu te disse. Eu não falo e não me relaciono com perdedores!

- Você pode estar aqui de novo, mas o que eu sentia, ficou no passado. E nem entrando na minha mente você vai ver! Sabe porque?...
Nate aproximou-se de Aileen e sibilou as ultimas palavras para ela.
- Eu apaguei você.
Bateu a mão na porta pedindo que ela saísse.

- Agora SOME!...

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Seg 15 Set 2014, 13:50

ADENDO PARA EZIO naquele momento:
 
Nate virou o rosto e os olhos azuis focaram em Ezio. Pronto criatura, conseguiu minha atenção.


- O que você quer? Que eu compre uma caixa de lenços e fique chorando? As pessoas reagem diferente aos mesmos estímulos...Não é porque eu acho que você devia se vestir adequadamente que eu sinto ou deixo de sentir algo! E você não está perdendo seu tempo honey...Você está ganhando os melhores 2 minutos da sua vida, porque meninas como eu.


Apontava o dedinho para ela.


- Não falam com garotos como você...- Apontava para ele e fazia aquele ar de desdém by Nate.


Tirando o Hippie né Nate?


CALA A BOCA.


- E tudo que aconteceu, acontece e vai acontecer, não muda o fato que você não sabe se vestir!..Eu não posso salvar ninguem do incendio, você ainda pode conseguir um consultor de modas. Eu não faço caridade, então está falando com a pessoa errada.


Ele falava sobre matar a mãe e Nate ficou um minuto em silencio. E por fim respondeu.


- Não preciso ir no shopping, tenho contato direito com a Prada...Ah talvez seja melhor você procurar no Google o que significa, neste meio tempo você pode se suicidar também.



Dito isto deu as  costas.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 13:52

Enquanto todos brincavam de caça - fantasmas no andar de cima, Edge estava mais envolvido nas atividades que deveriam fazer, afinal de contas estavam ali para relaxar e no ponto de vista dele eram os problemas que procuravam os jovens, sendo completamente desnecessário fazer o contrário.

- Nina não vai chegar até amanhã, acho que isto deixa os problemas com você Srta. Promotora de eventos.

Conseguia colocar fogo na lareira no instante que terminava de falar com Aileen. Edge ja estava sem o "casaco de esquimó" e os óculos escuros, voltando-se para a garota e entregando o mesmo arquivo que havia sido entregue para o Blake com as atividades que deveriam ser realizadas: No dia de hoje restavam apenas um simples coquetel e um passeio de teleférico estava reservado para o dia seguinte. Edge olhou por alguns segundos para o rosto da garota, infelizmente ele conhecia aquela expressão:

- Eu queria saber mais a respeito da história das jaquetas...Mas acho que isso vai ter que ficar para depois. Está tudo bem?

Inclinava a cabeça levemente olhando para a garota, cruzando os braços antes de complementar.

- E por favor não venha com essa de "não foi nada", sou mais inteligente que isso.

E sorria, voltando sua atenção para a lareira arrumando a disposição da lenha. Você pode mentir Aileen, mas Edge vai saber e o esforço se torna inválido, mas a escolha é sua claro.


Última edição por Edward Edge em Seg 15 Set 2014, 13:55, editado 1 vez(es)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum