Recomeço - Para todos.

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Seg 15 Set 2014, 13:54

(O TELEFERICO É AMANHA, este vice presidente viu, nem le direito, AUAUAUH)

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 13:55

[Editado...È culpa da Natalhie!]

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Natalhie Archibald em Seg 15 Set 2014, 14:00

Todos os declassificados, maloqueiros, depravadas e loucas esquisitas desconhecidas saíram do quarto.
Pronto.
Nate suspirou fundo e logo caminhou rumo a mesinha, parou um instante e fixou os olhos em um porta retrato. E lá estava a foto de Logan com uma linda garotinha de olhos azuis abraçado. Você conhece ela bem Peter.
Nate estendeu a mão apanhou o porta retrato.
- Eu realmente não quero ficar olhando pra sua cara de desmiolado, Logan...
Dito isto abriu a gavetinha da mesinha e jogou o porta retrato dentro, fechando a gaveta.
E então abria a porta do closet e la estavam. Os 40 Pradas. Nate uniu as mãos próxima ao peito, e sorriu, um sorriso lindo e iluminado. Que ela só dava para os Pradas e um dia deu para o Edge.

HAUAUHAUHAUH

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 14:16

Ouviu a galinha cacarejar mais algumas coisas e a vontade de erguer o dedo do meio num sinal de “Foda-se!” fora vencida pelo pensamento seguinte. “Se eu erguer o dedo provavelmente ela vai começar mais um sermão e, nem mesmo ele merece isso”. Também percebera a porta ao lado do seu quarto abrir, mas não dirigiu o olhar ou qualquer forma de atenção para Ezio. Porque correr o risco de mais problemas em um espaço de tempo tão curto? Adentrou seu quarto fechando a porta. Já havia se recolhido antes mesmo da nojenta começar a gritar mais uma vez com Aileen. Ação esta que o fez levar ambas as mãos as orelhas e pressiona-las com força: “Meu Deus, do que essa mulher é feita? Alguém desliga a maldita do 220 logo!”.

Assim que se viu isolado da presença de todos os outros a primeira coisa que fez foi apanhar o celular antes carregando e verificar se alguma mensagem havia chego. Esperava por uma, claro, mas até então tudo na santa paz. Pelo menos para com aparelho eletrônico, diferente do que se tornara aqueles primeiros momentos de sua chegada na tão acolhedora Duxhill. Claro, não estava na faculdade, mas ela estava ali, em peso, revelando suas mazelas a cada abrir de boca. Quanta gente mesquinha. Se religioso até faria o sinal da cruz em busca de um auxílio divino.

Apanhou um gorro na mochila e aquele último cigarro que ainda restara vivo em seu maço. Não havia hora melhor para queimá-lo. Apanhou o isqueiro, fechou o zíper do casaco e abandonou a ideia do conforto do quarto, do repouso, da santa paz. Quer saber? Se é pra atear fogo mesmo, então deixe queimar. Pelo jeito alguns riquinhos de Duxhill estavam bem mal acostumados e precisavam entrar nos eixos.

Peter saiu do quarto poucos instantes depois de ter se recolhido. Não olhou para a direção oposta do corredor onde ocorrera toda a confusão. Não parou para pensar nas outras palavras com maior cuidado, palavras, estranhas, no mínimo. “Não estamos sozinho... Bla, bla, bla...”. Que todos fossem para o inferno de mãos dadas nas suas companhias enfadonhas. Todos, não, talvez na garota do cachecol ainda encontrasse um resquício de humanidade, por assim dizer. O cachecol! Puts! Estava ainda em sua posse. Bem... Dentro do casaco este lhe daria maior conforto agora que seu destino era a porta da rua.

Diferente de como chegara, Peter cruzou o salão reto em direção a porta de saída. Não estudou rotas melhores de fuga, como fizera anteriormente, até deu de ombro com alguns estudantes que ousaram cruzar seu caminho. Maldita ruiva! A mulher que lhe proporcionara a distração, a mesma que lhe tornara exposto a confusão subsequente.

A temperatura lá fora parecia ter caído um pouco mais. Foi bom ter se acolhido melhor para a ocasião. Encolheu um pouco o corpo, e apenas as pegadas na neve apontavam um corajoso a desafiar aquela temperatura hostil que cada vez mais parecia despencar.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 14:32

A Hummer atravessou a ponte da cidade e em alguns minutos estaciona frente ao mercado. Blake desceu da mesma, envolvendo o pescoço com um cachecol e colocando uma touca a cabeça.
Olhou na direção do mercado longos instante e suspirou fundo.
Precisava colocar a cabeça no lugar. Estava perdendo o controle, mas voltar para aquele lugar, depois de tudo...
Era foda.
Algumas coisas ficaram enterradas na neve e deviam continuar. Entrou então ao mercadinho, e já separava algumas bebidas, quando começou a ouvir algumas pessoas conversando.

“Vai vir uma tempestade forte...”

“Deve interditar a ponte de novo, melhor levar bastante suprimentos”

“E a garota desaparecida? Alguém soube dela...”

“Não, e já fazem 4 dias...”
 
Blake não se atentou muito ao garota desaparecida, mas sim a tempestade e bloqueio da ponte. Exatamente por isto se preocupou em abastecer a hummer com suprimentos. E tratou de comprar 2 walkie-talkies. Pra que? Sei lá porque porra, da ultima vez que teve tempestade as merdas de celulares não funcionaram.
O empregado do mercado ajudava a abastecer a Hummer, e Blake terminara de pagar e então via a placa de desaparecido na porta do mercado. A Tal garota que eles falavam, fazia 4 dias já, aparentava seus 18 anos, era uma menina linda, morena de olhos azuis. A ultima vez tinha sido vista próxima ao teleférico.
Para onde eles iam amanha.

Ok ruiva, sem surtar...É apenas conhecidências de cidade pequena....
Entrava a Hummer e dirigia de volta, mas antes iria ter que parar no hospital onde em breve iriam começar o trabalho voluntario. AFINAL foi a merda que vieram fazer, e ela iria ter que supervisionar esta bosta.
Dont worry ruiva.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 14:34

Maldita Natalhie... Sério.

Ainda estava completamente entorpecida pelo que ela dissera e... VIOLÃO NADA, SUA BRUACA! VIOOOOOLINO! Meu Deus...

Mas... ela não estava errada. Exagerada, egoísta, insensível, porém cada um funcionava de uma maneira diferente. E Nate era assim, e jamais mudaria. E você mesma, Aileen? Era realmente... uma perdedora? Uma boba que andava de cabeça baixa, interpretando o papel de coitadinha? Não, não era assim. Não era uma perdedora. Você podia interpretar assim, Nate, mas Aileen estava ali. Enfrentara os demônios, literalmente, e conseguira voltar.

Estava inteira, não intacta, mas respirando.

Por que acha que ela gostava de tanto de sorrir?

Ficara por anos demais incapacitada de fazer um gesto tão simples... um gesto que você banalizava.

Ou você acha que a maior dificuldade na vida dela era lidar com a morte da mãe?

A pior, mas não a única...

Sua amiga lidava com a morte constantemente. Sempre. E para sempre.

Enfim, riu para Edge, concordando. Como tinha imaginado, era algum recado de Nina. No entanto, os lábios tremiam, como se estivesse controlando o choro e o rosto se mantinha levemente abaixado. Mesmo assim, não foi difícil para Edge identificar um óbvio problema que atormentava Aileen.

Quando o encarou, os olhos estavam molhados e as lágrimas não demoraram a umedecer as bochechas coradas. As íris eram muito azuis e claras, mas naquele momento em particular, estavam translúcidas.

Não, ela não ia mentir...

Agindo por impulso e desespero, ela agarrou a camisa de Edge e encostou a testa no ombro dele fungando ali enquanto chorava. Não, não estava dando em cima de você, Vice Boss, e no fundo, fala sério, tu sabe disso. Ela realmente te considera um amigo... embora as circunstâncias não facilitassem muito.

Ciente do que fazia, e temendo arranjar alguma espécie de problema para ele, Aileen deu um passo para trás, passando os punhos cerrados pelos olhos, envergonhada pelo ridículo acesso. Talvez fosse mesmo uma perdedora, afinal.

- Desculpa, Edge... Desculpa. Não sei o que me deu. E fique tranquilo que vou organizar tudo direitinho – olhou para o chão e mordeu o lábio – Quanto à jaqueta, eu pedi uma ZBZ para te entregar, mas antes que ela tivesse chance... A casa pegou fogo, né? – suspirou e em meio ao rosto molhado e a ponta do nariz vermelha, ela começou a rir – Tem certeza mesmo que você quer saber? É uma história muito assustadora... Pois envolve uma Natalhie...

Ela se calou de repente, ficando séria.

- Você é uma boa pessoa, Edge – finalizou e sorriu... mas agora, de um jeito triste.

Aquele ali era um perfeito exemplo de um santo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 14:49

Aileen, Aileen. Você pode ter sido a melhor amiga da minha namorada um dia, você pode ter sido a maior especialista em Natalhie um dia. Mas isso foi no passado, estamos diante de outra garota. Apesar de Kirsten ser (acreditem ou não) a melhor amiga da garota, NINGUÉM conhece ela melhor do que Edge, nem a própria Natalhie, que por mais que odeie admitir sabe muito bem que isso é verdade, sendo ele o único capaz de ver como ela realmente é...E aguentar andar com ela!

Santo? Não não...Eu só reservo minha paciência para as coisas importantes.

- Aileen... Mas o que foi?

Tão logo a garota se aproximava ela ja se afastava. Edge sabia que havia algo ali mas não ia ficar sufocando a garota. Ah Aileen...Pelo visto você escolheu a faculdade certa ja que vai ficar escondendo tudo que acontece. Não demorava para ver Peter passando pela porta e indo para o lado de fora. Alguns Omegas olhavam para Edge confusos mas era como ele disse: Vocês sao grandinhos, se virem. Talvez ele tenha ido fazer um boneco de neve.

- Essa é a menor das minhas preocupações. Deixa a história da jaqueta para la, eu posso imaginar. Apenas... Tome cuidado ta legal? Algumas pessoas como Blake gostam de "deixar tudo para la" e fingir que nada aconteceu, como se isso mudasse algo. Eu por outro lado prefiro ficar atento. Mas isso não significa que vou sair revirando cada centimetro quadrado dedicando minha vida a isso. Apenas... Tentem relaxar.

Olhava para o fogo enquanto falava. Aileen ja estava envergonhada demais e o olhar do filho da Dra. Calavan sobre a garota não iria ajudar. Não sabia bem o que estava acontecendo mas havia escutado parte dos gritos de Natalhie, e se Aileen estava daquele jeito...Não era preciso ser a pessoa mas inteligente do campus para advinhar. Edge sorriu e balançou a cabeça negativamente voltando-se para a garota.

- É, eu sou o cara mais legal do mundo. Você é "legalzinha" também Aileen, não deixe as pessoas se aproveitarem disso.

Dizia mais uma vez para a garota brincando com o sentido de "legalzinha" ja que deixava claro que também se importava com Aileen, afinal Edge gostaca de todo mundo. Passava por ela em direção a porta. Ao contrário de Peter, preferia ficar olhando por uma das janelas para o lado de fora, a neve, o gelo. Nada em específico...Pensando em absolutamente nada enquanto os outros pareciam fazer os preparativos para aquele coquetel, ou alo assim.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 15:29

Precisava dar um tempo! Pegou a estrada na saída da propriedade ao lado contrário do que havia chegado. Sei lá, descobrir alguma coisa nova, quem sabe, ainda que aquilo parecesse bem impossível pela região e clima. Apanhou o cigarro do maço, levou a mão a frente do mesmo e riscou três vezes o isqueiro evitando que o vento frio apagasse as chamas. Tragou uma, duas vezes, forte e o cigarro acendeu. Guardou o isqueiro no bolso e seguiu na mesma direção que Blake com seu Hummer. Não sabia exatamente se o cigarro era um conforto ou uma distração. O importante é que parecia funcionar.

Agora, travaria mais uma luta: livrar-se do vício. Aquele era o último que deveria morrer entre seus dedos. Fora um promessa, ele sabia que não faria bem voltar ao vício que, felizmente, nunca fora algo tão presente em sua vida. Se vasculhasse melhor sua história, saberia quando, por que e onde começou a fumar. Coisas de adolescente. Coisas do coração. Lembranças que ele não vasculhava há muito tempo. Um passado que nem fazia questão de percorrer.

Perder-se em alguns pensamentos aos poucos foram trazendo Peter de volta a sua sanidade depois de todos os ocorridos. Agora sua memória vagava no tempo do serviço militar. Quantas e quantas vezes não enfrentou o frio de frente como naquela, em situações muito mais adversas? Não podia nem contar nos dedos, nem se tivesse duas mãos a mais.

“E aí, cara! Quais as novas?”, era a mensagem que recebia de Denis naquele exato instante.

Respondera: Frio, pessoas mesquinhas, nada de álcool, mulheres maravilhosas com PHD em distúrbio mental agravado... Sabe o inferno? Parece que pulei esse estágio. Me jogaram em algo pior, de queda livre. Você se daria melhor por aqui, tenho certeza. Estaria a embaçar um Hummer, certamente...

Riu, sozinho, por breves instantes lembrando da ruiva. Agora aquela situação toda parecia engraçada. E Peter, sozinho, riu gostoso de tudo aquilo balançando a cabeça negativamente para com sua própria atitude.

Meu Deus, me ajuda!!! Ergueu as mãos para o céu e tragou o cigarro novamente.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 15:57

Blake retornava com os suprimentos no momento quase da festa. RETIFICANDO.
Porque sempre tem alguém pra fuder minhas chars, vocês me amam ne?
A Hummer estacionava e ela descia do veiculo. Ainda estava com a roupa que chegou. E tá frio pra porra mesmo, acho que vou aceitar a meia calça da Nate, auhauhuhauha!
O gorro a cabeça era preto, o mesmo tom do cachecol. Assim como as luvas as mãos, e o casaco que agora estava fechando, mas as pernocas estavam de fora.
Caminhou rumo ao porta mala e abriu. E puta que pariu, ia ter que chamar a Omega inteira para carregar aquilo. O rosto ergueu-se ao alto, e o céu estava cada vez mais fechado e escuro, vai ser uma festa e tanto.

Por um momento o olhar se perdeu no caminho que levava a floresta.


Puta que pariu, minha mente ta uma bosta.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 15:57

Não demorava a se recompor e com exceção da face avermelhada, vestígios do choro, Aileen já estava melhor – ou ao menos aparentava, o que não era realmente verdade. Natalhie conseguira machucá-la, e o fizera consciente disso. Não era capacho de ninguém, sinto muito. Se era dessa forma que ela queria, pois bem. Que seja assim.

- Obrigada, Edge... Sério. E me desculpa de novo. Por causa disso e da bendita jaqueta.

Mas ele a teria perdido de qualquer forma mesmo. Enfim...

- Hmmm, o cara mais legal do mundo... Bem, ah, ok, você é sim – ela riu e suspirou em seguida, não fazendo grandes comentários, mas pela carinha dela, Edge saberia que Aileen tinha absorvido cada palavra como uma esponja.

Mais alguns detalhes discutidos entre eles sobre o coquetel e com o roteiro em mãos, bastava Aileen começar a agilizar as coisas, coçando a nuca enquanto buscava um lugar para se enfiar e ler as anotações de Nina. Ficou pela sala mesmo, deitada num sofá e os braços esticados sobre a cabeça, enquanto lia cuidadosamente cada linha.

Ok, vamos lá, então.

Nada como uma festinha para melhorar o ânimo, né?

Bem...

Engraçado.

Ela se lembrava de ter dito isso numa outra ocasião... Ocasião esta em que as coisas não terminaram muito bem.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 16:06

Adendo:

- Eu tenho outras...Quase o mesmo número de sapatos que a Natalhie tem, não se preocupe.

Completava Edge ja em direção a porta. Afinal, Edge não ligava para muita coisa, ou ao menos não demonstrava...Sabemos muito bem qual era a metade do casal que era mais de criar um caso com tudo o que acontecia.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 16:11

Já tinha aproximadamente uma hora de caminhada ou mais, quando ouviu o ronco conhecido do motor do Hummer. Céus! Será que ele realmente o havia presenteado com tamanha oportunidade? “Cara! Deus existe!!!”

A intensidade do frio aumentara ainda mais, era uma boa oportunidade para conseguir uma carona. Sabia que Blake voltaria para a mansão e tão logo reconheceu o carro já se pôs no meio da estrada de braços abertos, impedindo completamente a garota de cruzar o caminho, não ser jogando Peter por sobre o carro. Atitude insana! “Se é pra incendiar, patricinhas! Então vamos jogar um pouco do jogo de vocês...”

Hey! Peter gritou fazendo gestos com a mão, aguardando que ela parasse o carro para então seguir até o lado do motorista.

Está voltando para a mansão?

Os olhos cinzas de Peter estavam cerrados devido o frio e a brisa cortante.

Acho que estou meio perdido. Deu de ombros. Muita neve, muito branco, não quer ajudar a um pobre rapaz oferecendo, sei lá, uma carona?

E diferente das expressões agressivas do quarto, agora Peter parecia bem mais “domesticado”. Era até convincente em seus argumentos, uma vez que realmente a queda da temperatura parecia não dar trégua.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 16:26

Ok vamos parar antes então.

Retificando novamente.

A Hummer passava pela estrada e assim que Blake viu Peter a frente do carro, ela brecou o mesmo, abriu o vidro do motorista e o rosto so virou-se na direção dele, e os olhos verdes o encararam em silêncio. Ela arqueou a sobrancelha, obviamente estranhando o cara de minutos atrás. E estava muito frio, ela parecia até mais pálida que de costume.
Ouvia a pergunta dele e pensou em responder. NÃO, vou pra puta que te pariu!

- Claro, mas toma cuidado pegar carona com garotas retardadas pode ser perigoso...

Blake deixou-se rir de leve, e sim ela estava nem pouco se fudendo pro que aconteceu no quarto, em Duxhill, no passado e na vida. Então sobe logo mala.


Ela apertou o botão deixando a porta destravar, e os olhos somente seguiram o rapaz entrar ao carro, estendia a mão que estava com a luva que tinha os dedos furados, e apanhou um pirulito a um compartimento do carro, ele podia ver uma série de pirulitos la, quem conhece Blake sabe que é um vicio. Tirou o papel do pirulito e levou o mesmo a boca, assim que ele entrou ao carro, ela esperou ele por o cinto, e seguiu rumo a casa.

- Vai vir uma tempestade, e a última que teve aqui foi uma merda....

Dizia quase a si mesma, enquanto os flocos de neve já começavam a cair, e ela ligava o limpador e cerrava os olhos para ver a estrada melhor.

Era neste momento que Bentley Continental GT, passava rasgando por eles, fechando a Hummer, Blake teve que pisar no freio e controlar o carro. Ela tirou a mão pra fora do carro.


- Você dirige igual sua mãe, fdp!


Eita Blake e dizem que a mãe do Noah não é boa coisa mesmo, uhahuahuauha.


Suspirou fundo e voltou a acelerar.



- Quem é o corno com uma Bentley dirigindo insanamente na neve?!!!

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Noah Valmont em Seg 15 Set 2014, 16:34

Edit: Como a Hummer parava no caminho, O Bentley Continental GT a ultrapassava sem qualquer sinal de respeito a presença imponente do utilitário, ou a pouca velocidade que ele deveria estar em uma pista como aquela.

A direção, caso o casal no H2 reparasse, era precisa, efetuando drifting nas curvas, usando da suspensão perfeita do carro. Não era a toa que esse caro era tão usado para se correr na neve. Era apenas um borrão roxo na pista. As correntes nos pneus eram mais do que desnecessárias...

Eram inúteis para alguém como Noah, que vivia fazendo cursos atrás de cursos de pilotagem, e sofrendo acidentes atrás de acidentes.

Você não vai reconhecê-lo, vai, Blake? Você nem sabe que ele dirige feito retardado assim.

Mas Blake não chegava.

Noah estacionava e aguardava a Hummer, olhando pelo retrovisor.

Mas, obviamente, ela não iria vir.

Usando mais uma vez da facilidade que a suspensão do monstro britânico lhe proporcionava, fazendo os pneus morderem a neve com seus cravos, Noah fazia o carro girar e pegava a estrada em sentido oposto, agora mais lentamente, afinal... Vai que a ruiva barbeira bateu aquela caixa de sapatos de novo.


Última edição por Noah Valmont em Seg 15 Set 2014, 17:01, editado 2 vez(es)

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 16:52

Peter tinha tudo articulado desde o início. Sabia que ela não o atravessaria, seriam problemas demais para uma atitude tão violenta. E ela consentia dando espaço para ele entrar. Tudo o que precisava era do momento certo. O clima o ajudava, passara a nevar naquele exato instante. E então, a brecha para seus planos maquiavélicos se abria através da brusca freada no passar do Bentley. Os pés de Peter pisaram mais forte contraindo a musculatura das pernas devido a maneira brusca como ela interrompia o movimento do carro.

Blake, não é? Olhe. Peter puxou o freio de mão a fazendo parar o veículo, se valendo daquela já reduzida de velocidade evitando um possível acidente, se valendo do momento: Sobre o que aconteceu hoje mais cedo. Buscou os olhos dela e continuou: essas intrigas banais, sabe? Eu gostaria de me desculpar pela minha atitude, pelo meu comportamento... Fui, um idiota. Tanto nas palavras como nas ações.

Sorriu para ela, amigável. E prontificou-se de alguma forma a tentar fazer um agrado. Planos, malditos. Por dentro ele ria insanamente, mas atuava bem, as reais intenções não reveladas.

Eu vou lhe contar uma rápida história sobre o Hummer, algo que poucas pessoas conhecem por não buscar por informações precisas. Sei lá, uma maneira de pedir desculpas, quem sabe?

Levou a mão até a chave do carro e tirou da ignição. Começou a história:

Os engenheiros da GM tiveram uma grata surpresa quando começaram a projetar este veículo.

Peter foi desvencilhando a chave do molho ou chaveiro que poderia conter junto da chave do carro, e continuou.

Certa feita, um deles teve a brilhante ideia de ver qual seria a reação e a arquitetura que haviam escondido dentro da chave de cada um desses carros.

Ele colocou a chave em frente ao rosto dela, segurando ela entre os dedos, apanhou a chave do carro na palma da mão e abriu a porta do carro, descendo em seguida, de pé, voltado de costas para ela. Ele segurou a chave bem forte e dando dois passos para fora da vista dela, que ainda esava no carro... Peter fez uma posição de arremesso e com uma força incrível lançou a chave para o ar, em direção a floresta e permaneceu olhando o trajeto e contando o que sabia.

Ele arremessou a chave e descobriu que a mesma seria incapaz de ficar longe de um possante tão incrível quanto o Hummer!

Os olhos ficavam olhando o vazio do céu como se esperando que a chave podesse voltar como no conto. E, sabia que não aconteceria. Sabia que o carro não ligaria mais. Aguardava a reação da ruiva agora.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Noah Valmont em Seg 15 Set 2014, 16:55

[Lá vai eu editar a ação de novo ahaha]

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 17:14

Blake freava porque Noah estava sempre fodendo ela? E não do jeito certo?....

Blake então ouvia Peter falar com ela, ela virou o rosto pra ele, e assim que ele puxou o freio de mão, ela de imediato ficou alerta. Mas aparentemente ele só queria conversar.

Os olhos verdes repousaram aos dele, calmos, até quase serenos, porque ela realmente não estava mais ligando pro que aconteceu no quarto. E ele pedia desculpas, por quase me bater? Por me chamar de retardada? Só porque eu surtei como uma louca?

É...

- Relaxa, você é um idiota bonitinho...

E ele dizia que ia contar uma história sobre a Hummer. Nerd? Foda-se. Vamos trepar na Hummer é bem melhor. Ok Blake para de pensar merda você vai se fuder já já.

Ele levava a mão até a chave do carro, apanhava a mesma. E ta bom isto não é boa coisa.

E continuava aquela historia, e só tem a chave do carro la, nem chaveiro tem, de tanto que ela já perdeu, já jogaram, já quebraram esta chave. Era novinha, custou dnheiro, fdp.

E então a chave estava em frente ao rosto dela, e ela não ia tentar pegar e ele tirar a chave da frente dela, feito uma brincadeira estúpida.

- Nem fodendo, não vai...

Descia da Hummer já indo na direção dele, quando via a chave voar na direção da neve, bem longe. Blake abriu os braços, e depois levou as mãos a cabeça. Ficou alguns instantes tentando entender. E por fim virou-se para Peter.

As mãos espalmaram e baterem com força ao  peito dele.

- Você é retardado!????
 
Hauauha vocês adoram esta palavra né?
 
- Que merda você fez? Como vamos voltar? Vamos congelar nesta merda! Você ouviu a parte que eu falei da TEMPESTADE? Ou você estava ocupado pensando em como ia me fuder.
 
Erguia a mão contra o próprio rosto, e batia na testa.
 
- E nem foder uma mulher você sabe.
 
Levou a mão ao rosto e suspirou fundo.

Ta bom eles iam congelar.
 
- Ok...você fez isto porque? Por causa de uma merda de aparador? Porque eu atrapalhei a sua trepada da noite? Porque caralho!???
 
Virou-se pra ele, o rosto estava vermelho de tanta raiva, e os olhos ficaram incisivos sobre ele. Fala o motivo seu bosta!

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 17:19

(Noah considera que a visibilidade esta ficando muito ruim, porque a tempestade ja esta começando. Blake e Peter considerem igual)

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 17:29

Ela já esperava por aquela reação da garota. Apenas usava os braços parar aparar alguns tapas e logo tentava ficar sério, mas por dentro explodia em pura euforia por aquele momento. Deixou a desabafar, falar, esbravejar e esbofeteá-lo e quando a mesma pareceu perder um pouco daquele primeiro ímpeto de acesso de raiva, era a vez de Peter jogar com as palavras:

Pare com isso! Você não deveria me culpar! Era apenas uma lenda dos engenheiros da GM, como eu poderia saber?

Não aguentou e riu daquilo tudo, ele estava se divertindo. O “Ás” na manga ainda estava por vir. Ela deveria estar com muito frio, devido as vestes, sejamos coerentes com os fatos. Uma piriguete até pode não sentir frio do carro para a mansão. Mas era o momento dela mostrar que tinha algo mais do que uma simples vida fútil e imbecil. Peter então a agarrou pelos ombros e foi a conduzindo para dentro do carro, pelo lado do motorista. Sentou ela ali, ainda que essa relutasse ele assim o faria e ainda rindo seguiu na direção o carona. Entrou e botou o cinto, unicamente para irritar ainda mais ela.

Vamos analisar as possibilidades. Sejamos coerentes. Agiremos como amiguinhos trabalhando em equipe. Pois bem. Você tem 2 alternativas. Ou pode tentar buscar a chave, ou pode se valer do meu conhecimento em mecânica.

Peter olhou-a de rabo de olho e após a breve pausa continuou.

Estou aborrecido com tudo o que aconteceu hoje pela manhã, Blake. Eu não me importo com o que tenha feito comigo, sabe, dane-se. Estou na merda e, sendo assim, algo a mais ou a menos, foda-se, não é?

Deu de ombros e acomodou melhor o cinto.

Então me parece que lhe resta uma única opção agora. Uma ligação direta e o carro volta a funcionar. Acontece, Blake, que a segunda opção tem um preço.

Peter abriu o casaco pela metade e apanhou o cachecol, tornando a fecha-lo na sequencia.

Você deve me prometer que vai entregar isso a Aileen, com um pedido seu de desculpas pelo ocorrido hoje pela manhã. Então, temos um acordo?

Sorriu gentilmente para ela.

Ah. E, lhe dou minha palavra que vai ter aquela mesma chave de volta, se assim o fizer.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 17:42

- Vai se foder...
Era o que ela respondia quando ele falava sobre os engenheiros da GM. E ele ficava rindo, ela mantinha-se de costas a ele, porque a vontade era de afundar a cabeça dele na areia.
- Estou tentando entender porque eu não passei por cima de você com o carro...
Sentiu o toque aos ombros e ela logo bateu a mão na dele, e enfiou o dedo na cara dele.
- Não encosta em mim, eu to a ponto de te matar....
Sentou-se ao carro do motorista a contra gosto, e fechou a porta para eles não congelarem, os cotovelos apoiarem-se ao volante, e as mãos foram ao rosto.
Eu preciso me controlar ou vou explodir.
Ouvia ele falar.
- Foda-se...
Era tudo que respondia. O encarando também de rabo de olhos, erguia o corpo de  perto do volante, e encostava no banco e então ele vinha falar que não se importava.
- AHHHHH. Você não se importa? Eu não me importo também! Ninguém se importa, foda-se, não me encha o saco! Estamos  todos na merda novato! Bem vindo a Merda!Duxhill é uma merda, esta casa é uma merda, então se acostuma e não me culpa, se você está na merda, alguma coisa que fez te levou aqui. Escreva no seu diário e me deixe em paz!

Suspirou fundo e abaixou um pouco a cabeça, porque você estava surtando tanto Blake, ela socou o volante, e virou-se para Peter.
- Olha, você não sabe de porra nenhuma, você não sabe de nada, você só está julgando a situação pela merda de pouco conhecimento que você tem, e tato humano você não tem nenhum. Então não me diga que está aborrecido porque eu mandei você não mexer naquela merda, ou mandei a Aileen! Eu estou aborrecida a anos, eu estou aborrecida a décadas e nem por isto eu fodo as pessoas, ok?!
- Pega seu conhecimento de mecânica e enfia no rabo, junto com seu sentimentalismo barato.
Tirou o cachecol da mão dele, e o jogou no rosto dele.
- Vai você devolver, aproveita e dá uma trepada, quem sabe isto te deixa menos pé no saco!
Abria a porta do carro bruscamente e saltava do mesmo.
- Eu não vou pedir desculpas pra ninguém por nada. Muita gente me deve desculpas e eu não estou esperando por elas e muito menos pelo príncipe encantado.
- Vai a merda.
Mostrou o dedo do meio pra ele, e logo saiu na direção onde a chave foi.

Ok, ia congelar, mas tinha que ser rápida e não é a toa, que ela é head cheer. E alguns segundos, desatou a correr na direção da chave.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 17:54

Hum, então havia algo a mais nessa confusão toda. Peter acompanhava as reações dela com um ar de triunfo. A vingança estava completa, concretizada. Mas algo saíra errado, não sabia que ela era tão teimosa a ponto de abrir a porta do carro e sair em direção da floresta. Soltou rapidamente o cinto de segurança quando percebeu que havia perdido o controle da situação, saltou do carro e levou ambas as mãos a frente da boca, gritou alto o suficiente para que ela pudesse ouvir.

NUNCA VAI ENCONTRAR ESSA CHAVE EM MEIO A FLORESTA BLAKE. MAS PODE COMEÇAR PELO BOLSO DO MEU CASACO!

Peter não era idiota o suficiente para se livrar da chave devido as condições do tempo que estava, do contrário jamais veria seu isqueiro de novo. Ele havia substituído a chave pelo mesmo nos dois passos que se sucederam ao sair do carro. Claro, era a única forma que ele teria também de cumprir sua palavra como homem, caso ela topasse o acordo.

Ele então levou a mão ao bolso, ergueu a chave a mostra-la que não seria necessário aquela loucura que planejara.

Venha, sua doida! Sentiu-se um pouco culpado com aquilo tudo só então. Senão não teremos estudantes embriagados hoje.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Noah Valmont em Seg 15 Set 2014, 18:01

Os limpadores começavam a trabalhar, com a neve começando cair.

- Mas que caralho, Blake... Você não consegue ficar longe de confusão? – Ele resmunga, conforme começa a rodar algumas milhas e não vê sinais de Blake e sua caixa de sapatos.

Quando um frio gelado percorre sua espinha, ele faz a curva e vê a Hummer parada no meio da estrada.

Blake corria na direção da floresta, e tinha um cara ao lado, gritando.

Rapidamente, Noah freia o Bentley... E olha, por alguns segundos, a cena.

Não entendia o que o cara gritou, já que quando chegou, ouviu apenas um eco. Mas, ele não vacila, apenas estende a mão ao porta-luvas e apanha uma 8, novinha.

Convenhamos, depois de tudo o que ele passou, e de ameaçar Eva Lockheart, comprar uma arma é o de menos, não?

Rapidamente, ele a coloca no bolso interno do sobretudo, desliga o Bentley e desce do carro, gritando – BLAKE! – Mantinha o olhar em Blake, e no cara ao lado do carro, não indo na direção de nenhum dos dois. Permanecia apenas ao lado do Bentley.

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Blake Harris em Seg 15 Set 2014, 19:22

Tem muita coisa a mais nessa confusão toda e na vida toda de Blake Harris, mas ela nunca fala nada pra ninguém e sempre finge que nada está acontecendo. Então.

Blake corria na direção da chave, e parava a alguma distancia do carro. Virou o corpo e logo encarou Peter e aquele filho da puta estava com a chave o tempo todo. E você estava completamente fora de si para não notar Blake.

- Idiota!


Ela suspirou fundo ouvindo ele chama-la, o rosto já estava com alguma neve, assim como a touca e a roupa, e ela já tremia de frio. Cruzou os braços frente ao corpo e já ia caminhar de volta para matar Peter, quando ouviu a voz de Noah.

Ótimo, você quer mandar meus ex-psicoticos mortos, meu ex noivo, pode mandar o Dimitri também, ele pode advinhar o futuro quando não estiver em um manicômio.

Blake cerrava os olhos a tempestade já começava, a neve caia com força, e ficava mais difícil de ver NOah ali naquela visão. Assim como ia ficando mais difícil ver a ruiva.

- Noah!


Ela gritava de volta, e logo dava o impulso para correr de volta, quando de súbito Peter e Noah podem ver a imagem, no momento que o corpo de Blake ia para frente, algo puxava ela pra trás, projetando-a quase num puxão, só deu para ver o corpo ao chão, e as mãos que desapareciam conforme ela era arrastada para o meio da tempestade de neve.

E desculpa meninos mas vocês vão ter que chegar mais perto para ver além da tempestade, e tá muito muito frio mesmo. E piorava a cada segundo.

Bye Bye ruiva, iremos sentir sua falta, precisamos achar uma peituda a altura para as Falcons.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Convidado em Seg 15 Set 2014, 19:37

Peter já avançava alguns passos na direção de Blake, um tanto preocupado com a intensidade da neve. Quanto mais rápido chegasse a garota, mais rápido, terminaria aquela confusão toda. Ouviu o outro carro chegar e o grito do rapaz que não podia identificar devido a intensificação dos flocos, mas ele conhecia a garota, sabia seu nome, devia ser o carro que cruzara por ambos anteriormente, afinal, dificilmente algum outro louco estaria disposto a encarar tão severa temperatura.

Talvez Blake tivesse sorte por Peter aproximar-se. Poderiam ser os passos capazes de salva-la de algo ou alguém, sabe-se lá o que fora que havia a agarrado. Engoliu seco e, agora, era pessoal. Se tinha alguma coisa importante na vida de Peter era o compromisso de honra que assumia quando sabia de sua parcela de culpa. E ali, ela era muito grande. De uma brincadeira a um susto avassalador.

Sua vida não importava mais naquele momento, era o dever de um antigo “army man”, quanto clichê! Mas lançou-se a correr na direção da garota com os olhos cerrados e a explosão que lhe era peculiar devido o esporte tão presente em sua vida. O fato era que mal podia vê-la, apenas tentava acompanhar os rastros e a turva visão da garota tentando fazer com que ela não sumisse devido a neve.

Afoito, Peter adentrou a floresta, e chocou o ombro forte contra um primeiro pinheiro, soltando um urro de dor. “Vai precisar de muito mais que isso para parar o garoto, Senhor Destino...”. Manteve a pressa, os passos afoitos, a respiração pesada de cada nova passada na direção da ruiva.

BLAKE! GRITE PARA QUE EU POSSA ENCONTRA-lA!!!

Fora a única tentativa de não perde-la de vez, sendo que a neve parecia jogar contra sua vontade.

O que seria aquilo? Uma brincadeira de mal gosto? Algum tarado tentando tirar vantagem da ruiva? No meio daquelas condições? Impossível...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Noah Valmont em Seg 15 Set 2014, 20:06

Mas que porra...

Blake é arrastada, e o cara corre para ajudar. O ouço querendo ajudar, já que não enxergo mais direito.

AH MEU!

VAI SE FODER, BLAKE!

VAAAAAI SEEEE FODEEEEER!!!

Você tava nesse carro, dando pra esse otário, e agora vai tomar no cu! E por sua causa vou me foder de verde e amarelo?

Não!

Mas neeeem fodendo que vou me ferrar por você!

Quero mais é que você morra nesse lugar aí. Que essa porra de Bruxa, que deve estar ainda mais poderosa, atacando longe pra caramba, depois de ter sacrificado a faculdade inteira, te foda todinha! Você e seu amiguinho!

Eu vou voltar, vou encher a cara, vou amarrar a Aileen na cama, e foder ela de tudo conter jeito... Porque se ela treme toda me beijando, imagina amarrada comigo torturando ela? Ela deixa de ser santa em quatro horas, tudo o que eu preciso!

Emtão tchau e se fode aí!

- Ruiva filha da puta – Resmungo.

Aciono o alarme do carro e vou caminhando na direção em que vi Blake.

SIM!

CAMINHANDO.

Porque se tem uma coisa que eu aprendi nessa merda de Duxhill, é que correr desesperado atrás de quem tá se fodendo, só faz com que você se foda junto.

Principalmente se esse alguém foi uma ruiva dadeira!

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Recomeço - Para todos.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum