Boas Lembranças de Patheshire

Página 2 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 14:07

Ok, entre todas as coisas que eu não gostei de fazer ao longo dos anos nessa faculdade, revistar um cadaver deve estar no topo delas. Ok, uma chave. Supimpa, o que eu faço exatamente agora? Boa pergunta. Sua especialidade nunca foi pensar por si Edge, e sua namorada, que geralmente faz isso esta pirando.

Por sorte, você socializa, isso é o que você faz.

- Nate eu já disse, eu NÃO ACEITO que você diga que não consegue. Não vocÊ que pensa por mim a maior parte do tempo, e por hora eu só preciso que você lembre de tudo que passamos e como seria idiota só cair de um teleférico nesse fim de mundo.

Blake caia, gritava. Aquilo precisava de um instante. Calma Edge, você precisa ficar com a cabeça no lugar para sair dessa. Natalhie vai precisar de um instante ou dois para se acalmar e colocar a cabeça no lugar, mas ela consegue. Vocês sempre conseguem.

- Eu...Tenho uma chave. Mas não tenho idéia de que ela serve.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Noah Valmont em Qui 25 Set 2014, 14:28

Tudo o que tentei até agora… Nenhum sucesso.

Não posso morrer.

Não sem antes levá-lo comigo.

Mas meu corpo simplesmente não responde, e eu despenco.

Não grito. Não tenho medo.

Apenas espero o impacto… Que não vem.

Ao menos, não do modo que eu imaginava.

Sinto a superfície receber meu corpo, e lançá-lo para cima novamente.

E quanto percebo onde estou, sinto algo jogar-se sobre mim.

Blake.

A ouço chorar, e me abraçar com tanta força…

Demoro alguns segundos para reagir a ela. A princípio, é como se ela abraçasse um corpo morto.

E então, como em um estalo, eu a abraço, na mesma intensidade.

A abraço com a mesma força que ela me abraça.

Ouço os que estão acima, desesperados.

Mas não me importo, ao menos, não imediatamente.

Cerro os olhos.

Nunca quis tanto matar alguém como quero matar esse cara.

E eu sei quem é.

Se a neblina não o escondesse, eu poderia ir atrás dele. Mas sei que ele está de longe, me observando.

Além do mais... Não vou matá-lo de qualquer modo.

Preciso encontrar um modo de capturá-lo.

Finalmente, respiro fundo e grito – Pulem! Tem uma cama elástica embaixo!

Não digo nada para Blake, apenas a aperto, o mais forte que posso.

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 15:19

É, o desgraçado realmente não havia mordido a isca, mas pelo menos Peter tinha o nome da menina e, aquela maldita carta... Se o objetivo dele era fazer com que a mesma chegasse até Peter, havia conseguido. Peter a guardaria, de qualquer forma, afinal, sentiu-se na obrigação de fazê-lo. As coisas, enfim, teriam sido muito mais fáceis se estivesse em completa disposição, mas um braço nulo o tornava muito incapacitado ali, sem conta que precisava pensar numa maneira também de salvar os outros.

Um sinal de esperança surgiu quando ouviu o grito de Noah, e não muito longe dali. A neblina teria mascarado o quão próximo poderiam estar do chão... Ele estava brincando com os jovens mais uma vez. Peter voltou a lembrar do desabafo e do conforto em poder tê-lo feito ouvir tudo o que tanta desejara falar. De qualquer forma havia um grande problema ainda, Nate não pularia jamais! O medo a impediria de saltar, aquela fobia...

Aileen, parece seguro, você precisa cair!

A voz de Peter estava mais conformada com tudo aquilo. E, agora sem medo de cair, Peter derrubou primeiro a boneca e tentou manter o equilíbrio, desejando ficar lá em cima, de pé ao banco, segurando o cabo de aço que prendia-o ao teleférico. Ficou de pé, equilibrando-se ao mesmo, pensando uma maneira de seguir até o banco da frente para ajudar Nate. Talvez um braço e as pernas cruzadas, como Noah fizera anteriormente poderiam arrasta-lo até lá. E se caísse, havia a segurança da cama elástica.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Blake Harris em Qui 25 Set 2014, 15:48

...


Última edição por Blake Harris em Qui 25 Set 2014, 15:51, editado 1 vez(es)

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Natalhie Archibald em Qui 25 Set 2014, 15:49

Nate suspirava fundo, e abria lentamente os olhos, tentava se controlar, engolia o choro, e olhava para o lado, e nada via, era somente neblina e neblina, e Edge falava aquilo. E ela somente sacudia a cabeça em negativo.
- Mas eu não consigo, não dá, é muito alto!
Ela via então que algumas pessoas encontravam algo em suas “bonecas” e logo o olhar foi de canto aquela menina morta a seu lado, ela suspirou fundo e estendeu a mão para toca-la, mas recuou.
- Não dá!
E engolia o choro para não ter um ataque do coração ali mesmo, criava nova coragem e logo tocava a boneca, e tirava de lá uma pequena caixinha de ferro, assim como a de Aileen. E era no momento que Peter subia ao cabo, que a cadeira de Nate começava a balançar mais.
Ela nem sequer via quando Aileen fechava os olhos se jogava do banco, era melhor realmente não ver. Se isto era o mais seguro a fazer, imagina o mais imprudente. Guardou a caixinha no bolso do casaco dela, e então aquilo sacudia ainda mais, virou o rosto pra cima e encarou Peter ainda um pouco distante pendurado nos cabos.
- O que você esta fazendo?
Ele estava enlouquecido. O que ele queria? Derrubar todos?
- Para! Você vai me derrubar. Edge!!!
Gritava enquanto as mãos agarravam com mais força a barra de ferro a frente dela, e ela se encolhia mais no carrinho, tentando ficar o mais equilibrada possível.

Peter você consegue se pendurar nos cabos de aço, e pendurar as pernas também, resta saber até quando.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 16:07

Edge olhava para baixo e ouvia a voz de Noah. Uma cama elástica? Mas que coisa era aquela no final das contas?

- Nate lembra do que eu disse? TODO MUNDO tem medo. Mas ou você encara ele ou deixa ele ganhar de você.

Era difícil ver alguma coisa ali embaixo. Colocava a chave no bolso de dentro do casaco e fechava, se preparava para pular. Sentia as cordas balançando e ouvia Natalhie mais uma vez. Bem, Peter de certa forma deixava tudo mais fácil.

- Você sabe que consegue. Eu disse que não ia te abandonar lembra? Tem uma rede la embaixo, você é mais racional que esse medo. É só um passo Nate...Eu vou primeiro ok?

Não adiantava nada dizer se não acreditasse no que ele mesmo falava, olhava para a boneca uma ultima vez antes de respirar fundo e saltar, é bom saber o que você esta dizendo Noah.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Blake Harris em Qui 25 Set 2014, 16:08

Blake apertava o abraço e tentava de todos os modos segurar o choro. Tudo bem este filho da puta esta acabando com minha mente, quebrando minha estrutura.
Porque eu simplesmente achei que ia morrer agora, que ia levar Noah junto comigo, que depois de tudo que passamos, que este grupo passou, íamos cair de um teleférico com bonecas vivas e morrer.
Como se fosse fácil assim.
Blake sentia quando Noah despertava e a abraçava com a mesma força. E então Noah grita para os outros que eles podem cair. Blake afastava lentamente o rosto do ombro de Noah, afrouxando um pouco o abraço, e logo leva as mãos aos olhos, limpando os mesmos, enquanto senta na cama elástica.
- O que diabos ele quer conosco...
Suspirou fundo, e logo o olhar passou a volta neve e floresta, neve e floresta. Estavam abaixo do teleférico, isto significa que estavam em uma parte mais isolada a cidade. E aquele puto tinha eles na mira. Mas ele não queria simplesmente mata-los, ele era doente, precisava alimentar aquele vicio doentio dele.
- Ele não parece se importar mais com as bonecas, ou nunca se importou realmente....Ou arrumou novas...
Blake rolava o corpo na cama elástica e logo deixava ele cair ao chão, em meio a neve fofa. Ajeitava a touca sobre a cabeça, e o casaco e os olhos se perdiam na imensidão da floresta, enquanto uma nova tempestade se formava..
- Noah...Temos que descobrir como ele funciona, antes dele nos enlouquecer...
Mal esperava ele descer e já os passos rápidos iam na direção dele, e ela o abraçava novamente, sei la porque porra, preciso saber que este puto esta bem. Soltou ele em seguida, e sacudiu a cabeça em negativo.

- Estamos todos bem....Se ele enfiou a gente aqui na floresta, ele quer algo...


Era quando podiam ver Aileen despencar em uma das camas elasticas. E logo em seguida Edge. Faltavam Nate e Peter.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 16:45

Logo que se colocou numa posição favorável para entrelaçar as pernas ao cabo, tendo cuidado para não derrubar o banco, começou a avançar na direção de Nate. As pernas estavam voltadas no sentido dela e puxavam o corpo de Peter, tendo o braço apenas como auxiliador do movimento. Isso tornaria muito mais seguro seu percurso, menos exaustivo. O maior problema seria conseguir equilibrar o peso ao banco da garota. Por isso antes mesmo de depositar os pés na parte superior do banco, estudou bem cada passada, era onde exigira muito mais do braço e para isso o poupara tanto. Sutilmente, com cuidado, estava por sobre ela. Bem, teria que derrubar a boneca e jogar o corpo um pouco mais para o lado, para tentar contrabalançar o peso... E assim o fizera. Jogando a mesma para baixo.

Peter sabia que o pavor não permitiria a Nate nenhum tipo de reação que a expusesse mais ao perigo, ou seja, pedi-la para derrubar o cadáver estava fora de cogitação. No derrubar da boneca, então, tratou de permanecer calmo, aguardando que o banco voltasse a se balançar a favor de sua vontade, ou até que seu balançar fosse tão imperceptível que ele poderia tentar, só então, sentar-se ao lado dela.

Certo, Peter era mais pesado, ou seja, teria que buscar sentar-se mais ao centro do banco. É, algumas coisas talvez auxiliassem seus estudos para aquele momento. Era a veia matemática dele que o fazia estudar cada detalhe da situação e, também não seria um balançar que os derrubaria; fosse isso já estariam a muito tempo no chão. Vento ártico, não é?

E com cuidado então, após o banco acalmar um pouco, depois de derrubar a boneca Peter pousou os pés aonde a mesma estava sentada. Sentia um frio na espinha por mais que a segurança da cama-elástica existisse, e então, calmo, sentou-se, não tão próximo a ponta, tinha que se concentrar naquilo...

Agora era hora da morte! Encarar a fera, de novo... Céus! Matem-me...

Tudo bem, tudo bem... Ele disse baixo, enquanto se acomodava ao lado dela. Tinha que esperar um momento certo, um vacilo, para erguer a barra de segurança e jogar-se junto da mesma.

Eles estão lá embaixo, já acionaram o resgate e tudo isso vai acabar logo, logo... Só precisamos esperar, sentadinhos, aqui.

Não sabia se as palavras surtiriam algum efeito, só tentava não ser ameaçador ou demonstrar que logo estariam em queda livre.

Tudo bem, pessoal! Estamos bem... Fiquem tranquilos.

Falava aos demais num tom mais alto de voz.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Natalhie Archibald em Qui 25 Set 2014, 17:07

Nate estava completamente em pânico, Tremia muito e o corpo ficava rígido, Edge falava com ela, e Edge não é fácil assim,ela tem fobia de altura, ela não consegue pensar, não consegue ouvir, não consegue ser forte. O corpo todo reage ao medo dela, treme, se encolhe.
Ele falava de ter uma rede la embaixo e ela enclinou o rosto so um pouco para tenta ver la embaixo, o neblina ela gritou para Edge.


- Eu não estou vendo nada!


E então ele pulou?


O  coração de Nate parou, ela ficou pálida, os olhos se abriam mais e as lagrimas saiam com mais facilidade.


- Edge!!!


Ela gritava enquanto a cadeira balançava ainda mais com o desespero, e agora ela tremia ainda mais. Foi quando se deu conta que Peter estava pendurado no carrinho dela, e logo a boneca caia ela começou a gritar, e espernear como uma louca.


- NÃO! Sai daqui, sai, sai!!!


E sacudia ainda mais aquele banco, portanto você teve que calcular 100 vezes para manter o equilíbrio Peter, Nate não ajudava em nada.


Quando ele se sentou ao lado dela e começou a falar, podia ver que ela mantinha-se olhando para frente nem sequer o olhava, as mãos apertando aquelas barras de ferro, O rosto que mal se conseguia ver em meio ao cachecol e a touca, e os cachos sempre perfeitos caindo ao ombro. Ela daria uma perfeita boneca.


- CALA A BOCA!


Ela nem sequer parecia ouvir o que ele dizia, e então virava-se e começava a estapear ele, com toda a força que tinha, batia com as mãos abertas, depois fechadas, no ombro, peito, rosto, onde quer que ela acertasse, em um surto de ira, de medo, de raiva.


Edge tinha caído, todos tinham abandonado ela, e agora aquele louco queria derrubar ela.


- SOME DAQUI!



E agora Peter você so consegue ver aquele banco tremer cada vez mais, pendendo para todos os lados, e sacudindo. Vai cair a qualquer momento, e Nate esta descontado tudo em você. Ela vai ate arranhar também, puxar seus cabelos, você o saco de pancadas!

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 17:24

Ok, nada agradavel. Mais uma para lista de coisas não agradáveis, mas não chega a ser o topo da lista. Não...De jeito nenhum. Noah estava ali, Blake, Aileen...Cade o Peter?

- Nate, eu estou bem! Tem realmente uma rede aqui embaixo...

Olhava para a mesma ainda confuso, afinal de contas, bem era uma rede. Claro que poderiam brincar do que fazia sentido ali ou não depois, ja que Peter tinha a idéia de como resolver as coisas. Bem, se Edge achasse que aquilo era uma boa idéia, ele mesmo teria ido. Ele não queria FORÇAR ela a pular, e sim que ela pulasse por si, mas não podia culpar Peter por tentar.

- Eu estou aqui embaixo. Você consegue me ouvir? Natalhie...Eu não subi ai porque acho que é algo que VOCÊ precisa fazer. Eu não vou abandonar você, é só confiar em mim, ao menos mais essa vez. Eu não pretendo começar a mentir agora...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 17:31

Peter já ouvira falar do terror, efeito da fobia das pessoas, mas estar presenciando uma crise de pânico era muito, mas muito pior do que aquilo. Ao que, de fato, ajudaria ele, afinal as mãos dela agora soltavam a barra de segurança. “Obrigado!”, ele pensou, e não se defenderia dos golpes, tinha que aguentar aquela crise e o fizera: o braço engessado foi parar abaixo da barra de segurança, o descuido dela na tentativa de agredi-lo, as mãos a golpeá-lo seja como for, baixavam a guarda da garota. Era o momento em que Peter num impulso forte (e dolorido), ao erguer a barra com o braço machucado, entrelaçava a cintura de Nate com o outro, o sadio, e trazia o corpo dela para junto do seu projetando-se para o vazio, carregando por pura física... Tão logo o corpo era arremessado, Peter já envolvia as costas dela com o braço enfermo, tendo certeza de que ela não escaparia de si. Tratou de envolve-la mais forte durante a queda para evitar o possível choque entre os corpos quando ambos encontrassem a cama elástica. E, claro, daria as costas para cair primeiro que ela, visto que seu braço estava atrás do corpo da mesma... Talvez a tensão do corpo de Natalhie naquele momento o ajuda-se, a reação do corpo provavelmente a faria agarra-se a Peter evitando futuras contusões no chocar dos corpos ao fim da queda.

No cair, Peter também fora capaz de sentir uma gota vazando próxima ao olho, ao supercilio, havia cortado num dos golpes desesperados da menina.

O corpo então sentiu o quicar, primeiro, e logo os subsequentes, apertando-a com força. Quando fora amenizado os quiques, ele afrouxou os braços e rolou para cima dela, logo rolando uma segunda vez, sem ela mais nos braços. O impulso agora fora levar a mão até o supercilio na tentativa de estancar o sangue. Descia da cama tão logo o pudesse fazer.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Noah Valmont em Qui 25 Set 2014, 20:14

Como ele funciona?

Eu sei como ele funciona. Ele sente prazer ao fazer os outros sofrerem, simples.

Eu provoquei ele com as bonecas, ele respondeu mostrando que as bonecas não tem valor pra ele.

Ele curte o processo de fabricação.

Ele tem tesão matando pouco a pouco com o veneno. Fomentando o terror pouco a pouco, até um momento em que a morte é sua melhor amiga.

Antes que outros desçam, eu confidencio – É o Xerife da cidade, Blake – Digo. Não sei porque não quero compartilhar a informação ainda... Só sinto que preciso segurar isso mais um pouco – Ele tem a polícia embaixo do braço, influencia no hospital e nos demais lugares. A princípio pensei em algum político, mas pelo modo que ele agiu com você, costurando sua boca por você falar e se rebelar... Ele gosta de dominar. Em uma cidade como essa, ser xerife é como ser um Deus. Eu sei quem é... E ele sabe que eu sei.

Suspiro, quando vejo os demais caindo, e a gritaria de Nate lá em cima.

Fico em silêncio, esperando um desfecho, até que Peter despenca.

Nate tão descontrolada assim é inédito. Normalmente ela simplesmente corre quando algo incomoda ela, largando todos para trás. Depois de uns três quilômetros correndo, talvez, se lembre de ter deixado Edge.

Me agacho e encho a mão de neve, caminhando até Peter. Ao chegar próximo dele, levo a mão a sua e baixo ela, levando o punhado de neve e colocando contra o corte – Vai queimar um pouco, mas tenta aguentar por alguns segundos… É um sangramento meio chato de conter, mas a neve vai cauterizar e causar vasoconstrição – Após, me viro para Aileen – Você disse que precisava da chave, né? - Estendo para ela, após pegá-la em meu bolso.

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 21:01

Ela tentava qualquer espécie de comunicação, mas simplesmente não conseguia, nenhuma resposta, e isso a deixava ainda mais aflita. Tirando também o fato de não estar enxergando nada e nem ninguém... E ao olhar para baixo... Era um abismo, sem final, como aquele que costumava atormentá-la em seus pesadelos mais cruéis. Só que agora era real. Caso despencasse, como costumava acontecer, não acordaria desesperada, com a testa molhada pelo suor, e as bochechas por causa das lágrimas... Não. Agora, se caísse, encontraria um fim.

Encontraria a sua morte, só para variar.

Logo escutava a resposta de Peter, o que a deixou um pouquinho mais tranquila, mas não o suficiente para aliviar a musculatura rígida pela tensão e medo. Se livrar da escuta? Aileen nem hesitou e soltou o aparelho, sem olhar para qual seria seu destino. Porém, a outra caixinha, a fechadura, esta ela mantinha muito bem presa entre os dedos. Foi então que a fala de Peter misturou-se com os gritos de Blake... e isso significava apenas uma coisa.

Aileen fechou os olhos, desejando que quando abrisse, aquilo não passasse de uma ilusão. Apenas uma brincadeirinha de péssimo gosto da bruxa.

O nome de Blake ficou entalado na garganta.

- Não... Não... - sussurrava para si mesma, tentando manter o pouco controle.

Também podia escutar Natalhie, mas se abrisse a boca, era capaz de piorar as coisas. E na verdade, não tinha voz, vontade... não tinha nem esperança mais. A ruiva fora apenas a primeira. Aileen não via escapatória. Não mais.

Não escutava Edge, nem Noah... Talvez por estar mais próximo, Peter foi o 'felizardo' em fazê-la despertar. Olhou para frente e depois baixo... Podia pular? Então, isso significava que...

Meu Deus... Meu Deus!

- Pular...? Meu Deus...

As mãos trêmulas levantaram a barra de ferro com esforço, e ela não se jogou, Aileen caiu. Perdeu o equilíbrio, como já estava esperando desde o momento que abriu os olhos, e ela não soltou um único grito durante a queda. Na verdade, nem mesmo quando o corpo tocou a cama elástica, diversas vezes, ela permaneceu na mesma posição, encolhida e com as pálpebras trancadas. Aos poucos, começava a se soltar, situando-se e ficou de barriga para cima, olhando para o céu...

Por puro e inédito reflexo, ela jogou o corpo para o lado para não ser acertada por uma Natalhie descontrolada junto de Peter. Novamente estabilizada, ela consegue se sentar, e olha para os dois recém chegados. Assustada, apavorada, histérica... mas dessa vez, viva. Nate ficaria bem. Então, notou o corte em Peter e respirou fundo diante da quantidade de sangue. Mas Noah tratou de adiantar os cuidados, também lhe entregando uma bendita chave... Sim, a chave!

- Sim... - pegou a mesma, respirando fundo mais uma vez.

Olhou para o grupo, e caso ninguém a impedisse, ela enfiaria aquela porcaria na fechadura, e rodaria a chave. Duas vezes, apenas.

Esperava a tranca ceder.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 21:22

Peter deixou que Noah verifica-se o ferimento, logo tentando amenizar um pouco o sangramento daquele ferimento. Bem, quanto a chave não se importava o que abriria o que, mas tratou de passar os olhos pelo local em busca de algo em especial. Peter via todos ali, em segurança. Blake parecia a pior, tirando Nate, é claro. Aileen e Noah estavam mais lúcidos, o que era bom, ou seja... Façam seu social que eu faço o que preciso.

A carta? Era unicamente para ele, certeza absoluta! Não tinha por que mostrar, sabia das intenções doentias do assassino. E foi vagando pelas proximidades, sem perder ninguém de vista, enquanto eles ainda discutiam que abriria a caixa de quem, ou qual chave faria isso que Peter encontrou a menina. Num lapso de distração não se importou se alguém viria ou não ele apanhar a boneca e escora-la numa árvore mais próxima, só então ficando ofuscado dos olhares que o haviam fisgado, se é que aquilo aconteceria.

Peter ajeitou o cabelo da boneca, o rosto estava cortado, ou quebrado, e já não tinha mais aquela beleza artificial tamanha. Mas os olhos, ele ainda podia vê-la com vida, lembrar-se de quando ainda estavam vivos e diante dele.

Ele apenas a olhava, como se conversasse com ela em pensamentos, sem uma palavra sequer. Algo que permaneceria entre os dois, como a carta que lhe fora entregue. O que estaria “dizendo”? Também não importava aos demais... Antes de partir, ainda, ele apanhou a mão da menina e deixou um sussurro escapar dos lábios, inocentemente:

Eu sou Peter Walker, senhorita Anabele Carrigan. Você lutou até o final. Sobreviveu a ele. Agora poderá viver em paz, em seus sonhos.

Sorriu levemente para menina e pôs-se de pé. Soltando um suspiro longo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Natalhie Archibald em Qui 25 Set 2014, 21:44

Ela não consegue ouvir nada Edge.

Tudo que ela consegue é tremer e tremer. E sacudir a cabeça e negar todos os pedidos para que ela saltasse, para que se jogasse diante de seu maior medo.

Não tem como pedir isto para alguém com fobia. A pessoa simplesmente se tranca naquela carcaça de medo, covardia, desespero e reluta, reluta até o final para não enfrentar, porque não se sente forte o bastante para tal. Mesmo que toda força do mundo pertencesse a ela.

A única reação que teve foi começar a bater e bater em Peter, como se batendo nele pudesse se livrar de toda aquela agonia que sufocava sua alma. E ela mal se deu conta quando Peter soltou a barra, e agarrando o mirrado corpo de Nate, jogou-se.


- NÃO!



Ela gritou e fechou os olhos, enquanto ele pode sentir o corpo encolher-se o máximo que podia, como se pudesse se fechar dentro de si mesma para sempre.


E era tudo que dejava, enquanto todo cm do corpo era tomado por uma sensação vazia. Como se o corpo e alma fosse sugado para o nada. E nada mais existisse.


Tudo vazio, oco.


Até que o corpo bateu com força sobre o de Peter que quicava, e ela ficou ali de olhos fechados o máximo que conseguiu, nem sequer viu Peter sair de lá, ou se machucou ele, ou qualquer outra coisa.


Ela simplesmente ficou ali, até que os olhos se abriam lentamente, e logo ficavam mais abertos, fitando o nada.


Não é como dizem: “Enfrentem seus medos” “Seja forte”. Era como se algo sugasse todas suas vontades e você literalmente pudesse morrer de medo, todos seus sentidos sufocados por uma única sensação.


Sentia-se morta.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Blake Harris em Qui 25 Set 2014, 21:53

Blake ouvia o que Noah dizia e logo ficava ali parada em silencio. E os fatos começavam a se ligar na cabeça dela.
Só podia ser ele, nãos e lembrava dele...Ou lembrava? Da outra vez, o xerife gentil que acudiu aquele grupo, que ajudou eles em tudo que precisavam, que ajudou a deter os bandidos?
Então...
Ele esteve o tempo todo somente analisando, estudando, buscando a oportunidade?...
- Ele nos conhece...Quer dizer...de todos vocês, ele me conhece, a Kirsten, a Alex, o Ryan, o Logan, ele nos ajudou antes...Então...ele só estava...aguardando a oportunidade, deve ter se fascinado com nosso caso.
Blake suspirou fundo e bateu a mão a própria testa.
- Por isto ele usou a cabana, a mesma cabana....
Blake ficou ali um tempo em silencio deixando Noah ir ajudar Peter, logo o desespero de Nate ao ficar naquele estado parecia faze-la despertar.
- Fala com ela com muita calma Edge, ela pode estar traumatizada, sob algum tipo de choque, não fale alto, fale baixo, devagar, e não toque nela, espere ela reagir a você, com muita calma...
Peter já parecia bom, porque como sempre procurava se afastar do grupo. Noah ia entregar a chave para Aileen que parecia ter uma caixinha.
Mas não abria...acho que não é esta chave...Então o que sua chave abre Noah?..
Edge?...
 
Isto Peter ficava ai conversando com a boneca, você está mais maluco que nossa algoz, de todo modo quanto mais maluco você fica mais fácil deve ser de entende-lo, hm?
Mas você é esperto e algo vai incomodar muito você, do lado da sua linda boneca você pode pegadas, patas. Patas de Lobos...
Então você já deve imaginar que vocês ainda não estão seguros não?...
E vocês todos podem começar a sentir a neve que começa a cair ameaçando a tempestade que esta por vir.
Opa Opa, abrem suas caixinhas e peguem suas surpresas, o tempo é curto.
As opções? Tentar seguir em meio a neblina e achar a estrada, tentar seguir uma trilha que tem próxima a floresta, ah escolham. Vocês sempre fazem a escolha certa!

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Blake Harris em Qui 25 Set 2014, 21:54

Blake ouvia o que Noah dizia e logo ficava ali parada em silencio. E os fatos começavam a se ligar na cabeça dela.
Só podia ser ele, nãos e lembrava dele...Ou lembrava? Da outra vez, o xerife gentil que acudiu aquele grupo, que ajudou eles em tudo que precisavam, que ajudou a deter os bandidos?
Então...
Ele esteve o tempo todo somente analisando, estudando, buscando a oportunidade?...
- Ele nos conhece...Quer dizer...de todos vocês, ele me conhece, a Kirsten, a Alex, o Ryan, o Logan, ele nos ajudou antes...Então...ele só estava...aguardando a oportunidade, deve ter se fascinado com nosso caso.
Blake suspirou fundo e bateu a mão a própria testa.
- Por isto ele usou a cabana, a mesma cabana....
Blake ficou ali um tempo em silencio deixando Noah ir ajudar Peter, logo o desespero de Nate ao ficar naquele estado parecia faze-la despertar.
- Fala com ela com muita calma Edge, ela pode estar traumatizada, sob algum tipo de choque, não fale alto, fale baixo, devagar, e não toque nela, espere ela reagir a você, com muita calma...
Peter já parecia bom, porque como sempre procurava se afastar do grupo. Noah ia entregar a chave para Aileen que parecia ter uma caixinha.
Mas não abria...acho que não é esta chave...Então o que sua chave abre Noah?..
Edge?...
 
Isto Peter ficava ai conversando com a boneca, você está mais maluco que nossa algoz, de todo modo quanto mais maluco você fica mais fácil deve ser de entende-lo, hm?
Mas você é esperto e algo vai incomodar muito você, do lado da sua linda boneca você pode pegadas, patas. Patas de Lobos...
Então você já deve imaginar que vocês ainda não estão seguros não?...
E vocês todos podem começar a sentir a neve que começa a cair ameaçando a tempestade que esta por vir.
Opa Opa, abrem suas caixinhas e peguem suas surpresas, o tempo é curto.
As opções? Tentar seguir em meio a neblina e achar a estrada, tentar seguir uma trilha que tem próxima a floresta, ah escolham. Vocês sempre fazem a escolha certa!

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 21:56

Bem...Aquilo tinha dado certo. Mais ou menos. Edge via os dois cairem e Noah prontamente ir ao auxílio de Peter, então cabia a ele apenas ia até Natalhie. Parava na frente da mesma quando ouvia Blake. Respirava fundo e olhava para Peter. Calouro apressado, sempre apressado.

- Foi uma PESSIMA idéia Peter. Ela tem MEDO de altura, e você a derruba? Vocês poderiam ter caído com toda a extrutura. Sei que estava apenas querendo ajudar mas precisa entender que não precisa fazer tudo sozinho...

Balançava a cabeça negativamente. Sabia que ele havia feito com as melhores das intenções mas era exatamente o que havia acontecido nas vezes anteriores, e vai saber quando aquilo poderia se voltar contra ele afinal de contas. Não precisava encontrar mais corpos do que aqueles que ja normalmente apareciam pelo caminho de sua vida cada vez mais tumultuada.

- Natalhie, consegue me ouvir? Esta tudo bem, você esta bem. Nate?

Falava baixo próxima dela. Edge não é idiota, ele sabia que a garota não estava bem.

Ah, eu não estou pensando muito em chaves agora.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 22:18

Permanecia sentada na cama elástica, as pernas dobradas por baixo do corpo enquanto esperava... e nada. Nisso, Edge aproximava-se de Natalhie e Peter seguia numa outra direção. Sempre fugindo... Sempre procurando solidão. Aileen mordeu o lábio de frustração ao constatar que aquela chave não era a certa. Tentou girá-la mais algumas vezes, e não adiantou.

- Mas que bela porcaria! - Aileen gritou, jogando a chave para o lado e apertando mais a caixinha de ferro ao ponto de sentir os dedos doerem.

Virou a cabeça para cima, buscando calma... só um pouquinho. Foi então que um floco de neve descansou na ponta do nariz avermelhado, fazendo cócegas e alertando também. Os olhos se abriram devagar e ao constatar a mudança no clima, Aileen gemeu.

E mais essa agora...

Levou a mão livre até o pescoço, para ajeitar o cachecol... e ah, que bacana. Não tinha um! Tudo bem, tudo bem... Levantou a gola do sobretudo e logo foi se arrastando para fora da lona, caindo de joelhos sobre a neve, só então percebendo que as pernas tremiam.

- Quem está com a outra chave?

Sim, porque era certo que um deles estaria com ela.

Olhou para Edge e Nate, e machucava vê-la tão assustada. Mas eles não tinham tempo.

- Edge?

Ele não tinha falado algo do tipo lá em cima?

- Apenas jogue...

Ele entenderia.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 22:30

Era hora de se recompor e torcer para que não fosse uma alcateia. Ou que pelo menos já estivessem confortavelmente alimentados. Quanto as palavras de Edge, entraram por um ouvido e saíram pelo outro. Ele jamais esperaria um obrigado dele. Talvez fosse mais inteligente mesmo deixa-la congelar lá em cima... Tsc.

Voltava até onde o grupo estava, não fora longe nem tentara nada solitariamente como todas as cabeças sempre teimavam em pensar. Meninos bonzinhos que resolviam tudo com uma boa foda. Patéticos...

Vamos seguir as torres do teleférico, elas devem nos levar até uma das bases onde podemos nos abrigar e tentar pedir ajuda. Não estamos sozinhos, algumas pegadas mais adiante, devem ser lobos, pelo tamanho.

Peter apanhara alguns dos destroços e até a barra de ferro que era utilizada como proteção. Serviria para tentar algum tipo de defesa, se necessário. Quanto as caixinhas:

Podemos fazer isso enquanto caminhamos. Aileen não deve resistir muito tempo nesse clima, nem Nate. Temos que nos apressar... É provável que piore.

Não trocava olhares com nenhum dos presentes ali, exceto Aileen, pra quem estendia a mão, como num convite para iniciarem a jornada.

Apanhem qualquer coisa que possa ser útil, ou não. Pode servir...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Natalhie Archibald em Qui 25 Set 2014, 23:03

Foi uma péssima ideia sim Edge, não é bom você tratar um trauma jogando a pessoa no meio dele, isto é um tratamento de choque.
Mas diante da situação, se Peter não tivesse intervindo, sua namorada ia congelar lá em cima e morreria certamente antes de pular.
Não se trata de força, se trata de fobia.
Então você com certeza deve a vida da Nate ao Peter, e ela certamente vai acordar com a mesma sensação. Obvio que não vai falar nada, mas você pulou e confio na força dela, as vezes, em determinados casos, é preciso muito mais do que força Edge.
É obvio Peter que você podia ter contado sua ideia a alguém, dividido ela. Você não precisa ter uma ideia e achar que todos vão adivinhar ou te seguir.
Este grupo nunca teve lideres... E as pessoas tem a o péssimo costume de ser egoístas, talvez por isto Edge não esteja te agradecendo agora.
Vai saber
Ao final estão todos traumatizados.
Nate ouvia a voz de Edge, e logo os olhos piscaram e ela os voltou a ele, consentiu em positivo, mas ainda estava encolhida, com os braços dobrados junto ao corpo, assim como as pernas, a neve começava a cair, tomando os cachos que saiam da touca, e o rosto pálido de Nate, ela entreabriu os lábios e sussurrou.
- Eu odeio a neve....
Aos poucos o corpo se erguer e ela piscou os olhos freneticamente, quase como se despertasse daquele transe e ela sussurrou somente para Edge.


- Porque você me deixou lá em cima?....
Deixou o corpo saltar da cama elástica, e olhou a volta, enquanto os olhos azuis pararam alguns instantes em Peter que começava a achar que eles eram escoteiros em uma excursão, uhauauha e depois voltaram a Edge. Aproximou-se dele e tocou a mão a dele, envolta a luva, sussurrou.


- Não faz mais isto...
Peter, eu juro que se eu soubesse, eu te falaria OBRIGADO, uhauauahua.

Não dizia mais nada, apenas entrelaçava os dedos aos de Edge e seguiria junto ao grupo. Não estava em condições de reclamar, simplesmente sentia vergonha da propria atitude.

Fraca.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Qui 25 Set 2014, 23:15

Edge olhava. Ele não é do tipo que "joga" Aileen, ele estendia a chave para você e voltava até aonde Nate estava. Claro que Peter tinha uma explicação. Todos tinham, mas não era só porque tinha uma que ele estava automaticamente certo, ao menos na opinião dele. Felizmente por alguma razão ele reservava a dele apenas para si, da mesma forma que havia saído andando no meio da neve...Duas vezes?

Mas não era importante agora.

- Ele não deve estar longe. Não ia fazer tudo isso se não tivesse observando...

Edge ouvia Natalhie e....Não havia uma resposta óbvia para a pergunta. Concordava com a cabeça e dava um sorriso um tanto desanimado. Mas tocava suavemente o rosto dela com a outra mão quando ela se levantava. Nem tinham conversado direito hoje ainda, ninguem tinha conseguido na verdade, perceberam isso?

- Conversamos melhor depois ok? Vamos...

Também não estava interessado em grandes argumentações no momento, não havia muito para se dizer. Afinal Nate, ele ao menos estava ali, junto de você, não é muito mas para vocês aparentemente sempre parece de alguma forma ser o bastante.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Convidado em Sex 26 Set 2014, 09:13

Mantinha os olhos em Edge, esperando alguma reação dele, embora soubesse que ele dificilmente tiraria a atenção de Natalhie, e... quem poderia julgá-lo agora? No final das contas, ele estava apenas protegendo a sua felicidade, e por mais louco e improvável que pareça, o rockstar a encontrou em Nate. Pegou a chave e o encarou, em silêncio. Mas foi por um tempo curto, já que ela logo se concentrava na fechadura e na nova chave. Seria essa...?

Só havia um jeito de saber.

No entanto, acabou se distraindo com a chegada de Peter, que já foi trazendo outros problemas. Aileen arregalou os olhos quando ele mencionou a presença de lobos e engoliu em seco? Sabe o filme que tu tinha se referido, Edge? É... ela também tinha visto.

- Lobos...? - a voz gaguejou.

Podia sentir o olhar de Peter pesar em si, e ele estava muito sério. Aileen correspondeu a encarada e suspirou. Não era o melhor momento para pensar em algo do tipo, mas... Eles tinham mesmo se beijado noite passada? Sim... E mais do que isso: ele fora embora. Esticou a mão até a dele, aceitando a ajuda para ficar de pé, procurando manter o foco no que acontecia ali, e agora.

- A neve não está me incomodando... - falou tão baixo que era capaz de apenas Peter escutar.

Não ainda, claro.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Noah Valmont em Sex 26 Set 2014, 09:24

Me curvo e apanhoa chave jogada no chão.

Você não é muito educada, é, Aileen?

- No momento em que peguei a chave, imaginei que fosse ela que ligasse o sistema do teleférico. Então, talvez, se chegarmos a torre, podemos ligar essa porcaria e sair daqui. Ainda que seja o que ele quer, já que ele nos deu a chave – A mostro na frente do rosto, e a enfio no bolso novamente – Não conseguiremos andar até a cidade novamente. Mas é uma opção... Procuramos um abrigo, nem que para isso a gente precise cavar no gelo, e passamos a noite aqui, ou a torre, como o Peter sugeriu. Eu voto na torre, vocês? - Pergunto, conforme vou fechando minha blusa.

Mas ao mesmo tempo, vejo Peter se afastar.

Está com pressa para brincar de novo?

Estamos jogando o jogo dele, Peter. Quanto mais pensado nossos passos, melhor.

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Blake Harris em Sex 26 Set 2014, 09:41

- A tempestade nos mata muito antes disto Noah, precisamos urgente de um abrigo...


- Ele nos quer aqui, provavelmente não vamos parar onde nós achamos melhor, mas sim onde ele deseja...É um jogo, o cenário é dele, o tempo esta a favor dele, a natureza também. Ele certamente já sabe onde nos quer...
- E eu arrisco dizer que esta dentro desta caixa...- Apontava a caixinha na mão de Aileen, após Edge  lhe entregar a chave.
Blake suspirou fundo e após Peter falar dos lobos, os sentidos duplicaram em alerta...

- Temos que sair logo daqui...- Apontava o que sobrara das bonecas espalhadas pelo chão. – Isto certamente vai atrair eles...

Acomodou o capuz da jaqueta a cabeça, e logo puxou o cachecol para o rosto até a altura dos olhos, protegendo-se do frio. Apanhava um pedaço de barra de ferro que ficara ao chão, e logo iria seguir o grupo.
 


Mas algo ficava martelando a cabeça dela, algumas coisas ainda não faziam sentido sobre o comportamento daquele maníaco, o que ele queria agora enfiando eles no meio da floresta? Algum tipo de prova de sobrevivência?...
 


 

Aileen você apanhava a chave de Edge, e ela girava com perfeição logo a pequena caixinha era aberta e você podia ver que dentro dela havia a metade de uma chave de ferro, esta aparentava ser chave de alguma fechadura de porta ou algo do tipo. Mas ainda faltava a outra metade.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas Lembranças de Patheshire

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum