O jogo tem que continuar - O reencontro!

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Ter 20 Jan 2015, 15:58

Diante do interesse de Cappie pela menina próxima ao carro da doutora, Aileen também olhou na mesma direção, curiosa, reconhecendo os traços após um tempinho. E pelo que o rapaz falou, ela prontamente deduziu que era a irmã mais nova de Alexandra.

Era uma graça, e parecia tão... amedrontada.

Por causa do desconforto óbvio da menina, Aileen desviou o rosto e Cappie logo fez o mesmo, e os dois foram para o hospital. Mas antes... voltou a olhar para trás, em tempo de ver Nikka a encarar, para em seguida, entrar no automóvel após os sussurros do motorista.

Aileen olhou para ele, demorando a entender o comentário meio ranzinza.

- Irmã da Dra. Kingston... não é?

E sim, Cappie... Ela estava escondendo, sufocando. E fazia isso perfeitamente bem.

Com a última fala dele, Aileen só teve de tempo de sorrir de maneira triste para Cappie já que Edge se aproximava para corresponder os cumprimentos do antigo companheiro de fraternidade. Ela adiantou alguns passos, quase esbarrando em Natalhie no caminho. Os olhos se estreitaram atrás dos óculos, incrédula... e desconfiada com a atitude educada.

- Boa tarde, Natalhie... – ela falou no mesmo tom, e apertou a mão dela num toque delicado e rápido...

E quando ela limpou a palma na roupa...

Certo. Ainda era a Nate de antes, o mundo não estava do avesso, êêêêêê.

Não se preocupe, Edge.

Aileen te pouparia de levar mais bolsadas.

Ela acenou para o mais novo doutor, sorrindo.

- Oi, Edge – aumentou o sorriso... talvez inconscientemente para provocar Nate.

Ah, droga...

Deveria ter vestido uma jaqueta ao invés de enfiá-la no fundo da mala.

Merda...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Olivia Caufman em Ter 20 Jan 2015, 16:09

Alice era sem duvida a garota mais intocável do mundo afinal quem está disposto a encarar a Dra Kingston para chegar perto da menina.?

Você?

Edge?

Hauauhaua

Ouvi a pergunta de Aileen enquanto já ia entrando ao hospital e consentia em positivo.

- É a Nikka, não sabe da história? A Udinov perdida?

Iam ao elevador e logo Cappie encarava o sorriso triste da menina, ele sorria de volta, mas não naquele tom triste, de algum modo Cappie parecia confortavelmente conformado com a situação.

Saia do elevador a tempo de ver Edge e a bonequinha dele, só faltava dar corda na Natalhie, uhauaua.

Caminhou até o amigo. E o cumprimentou co um abraço, ouvindo ele falar, encolheu os ombros.


- Acho que muita coisa mudou Ed, voce até casou cara...Mas a parte de ficar vivos, eu espero realmente que aconteça...

O olhar foi até o corredor onde estava Noah.

- A ruiva já chegou?

É...talvez seja mesmo como nos velhos tempos.

E então ele estendeu a mão para Nate a cumprimentando também, obvio que notou ela limpar a mao.

Nate sendo Nate.

Aileen parecia toda animada ao falar com Edge, e bom algumas coisas não mudam.

Como esta...



- Cade a Alexandra?...


Cappie dizia enquanto os olhos já passavam pelo corredor em busca dela, e por mais estúpido que fosse, ele ficava imaginando que cor de vestido ela estaria usando ali, porque nunca havia visto aquela garota sem estar elegante e impecável.


Será que o corpo havia mudado com a gravidez? Os cabelos?


Cappie...



VÁ SE TRATAR UHAUAUHAUH
avatar
Olivia Caufman

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Humor : Decifra-me
Mensagens : 171

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Olivia Caufman em Ter 20 Jan 2015, 16:24

avatar
Olivia Caufman

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Humor : Decifra-me
Mensagens : 171

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Noah Valmont em Ter 20 Jan 2015, 16:48

Aquilo era uma chatice.

E Alex, todo seu discurso foi ignorado. Você pode ir bancar o robô na puta que nos pariu.

Ou melhor, na puta que TE pariu.

Eu sou um Valmont.

Foda-se você e sua família escrota.

Finalmente, após perder tempo com aquela baboseira, entro na sala.

E é impossível não ter aquela sensação familiar de deja vu.

Estavam todos, de certa forma, diferentes...Mas iguais.

- Cheguei a tempo de ver Nate matando a Aileen? - O riso era lacônico.

E bem falso. Mas, Noah sempre fingiu melhor que qualquer pessoa que vocês já possam ter conhecido, certo?

Aproximava-se de Nate, lhe dando um leve beijo no rosto – Parabéns pelo desfile de Milão, Nate... Li sobre ele – E em seguida, Edge, o qual estendia a mão – Minha enfermeira nova está me enchendo um saco por um autografo seu... - E em seguida, Cappie, também um cumprimento de mão – Grande Sheldon Cooper... - E por fim, Aileen, um beijo no rosto – E você é a nova estrela agora, né? Belo ensaio na People... Ficou ótima de biquíni na praia...- Piscava em seguida, sentando-se na cadeira de espaldar, a que quem presidiria a reunião, normalmente, sentaria.

Por fim, acenava com a mão para Blake, quando ela entrava na sala – Agente 69, quase não te reconheci com tantas roupas... E enfim, onde está nossa ilustre líder com sua cara de bunda?

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Blake Harris em Ter 20 Jan 2015, 17:19

Blake estava recostada a um canto da sala, a atenção estava voltada ao celular, até que as pessoas começaram a chegar, ela desligou o celular sem dar uma desculpa sequer a pessoa do outro lado da linha, e logo Noah começava o circo.

Blake ficou em silencio, e os olhos somente encararam os dele, quando ele falou com ela.

Sério?
Um ano sem olhar na sua cara para ouvir isto?

Blake deixou um sorriso cretino tomar os lábios, aquele que Noah conhecia bem e logo sussurrou.

- é normal...esta impressão...os outros também tiveram....

Dizia se referindo ao fato de não a reconhecerem com tanta roupa. Logo ela aproximou-se de Aileen e foi a primeira que a ruiva, envolveu em um abraço e deixou um beijo a face.

- Como está Aileen? Até pense em ir te ver, mas meu chefe me segurou...

Nem te conto como foi esta segurada, hahahaha

Ai ai ai

Blake sendo Blake.

Soltou a garota e logo estendeu a mão pra Natalhie em seguida aproximou-se de Edge e deixou um beijo ao rosto dele, piscando.



- Eterno popstar....


E então foi até Cappie e deixou-se abraçar o rapaz longamente, em seguida afastou-se.


- Pensei que tinha cortado a juba na ultima conferencia do skype, voce me enganou não é?...


Cerrou os olhos pra ele em tom de brincadeira, e então deixou o corpo cair em uma das cadeiras, jogando os pés sobre a mesa.


- Antes que saia mais merda da boca do Dr Valmont, eu não sou uma agente, eu só fiz um estágio no FBI, para entender como um psicopata funciona...exatamente para desempenhar melhor meu trabalho tratando deles...


O olhar foi de canto pra Noah E logo voltou ao grupo.


- E eu não vi a Alexana, Noah...Achei que era você que estava trepando com ela na sua sala, ou falando, tanto faz, foda-se!


E acenava de volta pra ele com o sorriso ao rosto, enquanto desenrola o jornal da mão e encarava as noticias.


- Olha só, a nova Princesa de Monaco vai dar um jantar beneficente....Que interessante...Tão caridosa....



E nem sequer se dava mais ao trabalho de olhar pra Noah.

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Ter 20 Jan 2015, 18:08

Edge abria a o boca para responder os demais, e isso provavelmente iria incluir Aileen querendo Nate ou não, quando pode ouvir Noah. Sendo Noah apenas para variar. Claro que comprimentos discretos nunca foram a especialidade de Edge, e devido a "condição" de Noah, ele brincava mais um pouco.

- Noah! Então agora você é um garoto de verdade? Ainda tendo vontade de chorar ao ver comerciais de Natal e dia das mães? Quando vai deixar eu perguntar a respeito de seu passado com eletrodos grudados em sua cabeça? Vai ajudar, prometo. Ao menos um de nós dois.

E não é que estavam todos reunidos? Para alegria mais de uns e menos de outros. Claro que se voltava para Blake, e era uma OBRIGAÇÃO Nate, vai saber se ela sai atirando no Noah? Alguém aqui precisa acalmar os animos no final das contas, bem com a ruiva sempre foi tudo tão fácil...

Sem trocadilhos Blake! O passado no passado?

- Ruiva deixa eu entender, então agora VOCÊ procura os malucos e eu sou o psicologo? Nossa, os papéis realmente mudam. Nem vem com esse papo furado, você deve ser uma super agente em missão secreta ou algo assim. Então, teremos mais algum retorno? Quem sabe Ryan, ou o Vitto? Ele ainda é o seu ex que eu mais simpatiso. Sem ofensa Noah você ta em segundo tranquilamente.

E piscava provocando. Voltava a dar atenção para Natalhie segurando a mão dela e ouvindo a respeito de tudo aquilo. A sim, um Baile. Sério?

- Baile. Me lembra festa, e me lembra que nosso saldo de festas sem problemas é...Existe algo menor que zero?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Natalhie Archibald em Qua 21 Jan 2015, 00:16

Nate encarava Aileen em silencio enquanto apertava a mão da menina, e apenas a fitou de canto de olhos quando aquele sorriso dela se abriu mais ao ver Edge.


Natalhie acostume-se as garotas estarem sempre sorrindo pro seu marido.


Ele é extremamente bonito, a forma dele se vestir é uma atrativo a parte e você sabe que ele tem aquele chamar e....
MORRE.


E apenas limitou-se a apanhar a mão do marido e puxa-lo na direção da sala, entrou a mesma e pode ver quando Noah chegou. Impecavelmente vestido.


MORRE TAMBÉM.


Sentiu o beijo a face e os olhos azuis ficaram o olhando um tanto surpresa, ao notar que ele tinha lido sobre o desfile dela em Milão.


Um homem notou isto?.


Ok Noah.


1x0 pra você.


- Foi realmente um grande sucesso, o Edge te mandou o convite, mas...


VOCÊ NÃO FOI


INGRATO...


E cotovelada no Edge, pra ele nunca desmentir que foi ele quem mandou o convite e não ela, em hipótese alguma ela.
Huauhahuahua


E logo o olhar de desgosto se fez ao ouvir ele falar com Aileen e suas fotos de biquíni, EDGE , para o bem dos seus pacientes que você não tenha visto este ensaio.


Afinal eles precisam do médico deles VIVO.


E então Blake e Noah começam a trocar farpas. E Edge parecia querer quebrar o clima brincando com Noah. Blake beijava o rosto do seu marido.


Virou festa?...


E logo ela apertou a mão da ruiva, ouvindo novamente Edge brincar.


E então Blake falava da festa da Princesa de Monaco.


NOAH, PORQUE SUA IRMÃ AINDA NÃO ME CONVIDOU?.


Sentia o toque a mão e logo os olhos foram a Edge e ela apenas limitou-se a sentar em uma das cadeiras ao lado do marido, e acomodar o rosto ao ombro dele, encarando Blake que tomava a palavra na reunião.


Deixava Edge segurar sua mão e aparentemente ignorava a presença de Aileen ali, UHAUHAUAUHA.


- Não creio que a Alexandra queira falar de bailes, eu tenho quase certeza que tem algo relacionado a noticia principal do jornal....


SIM porque eu tenho informantes, ARRUMEM O DE VOCÊS, UHAUAUHAUHA.

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Duxhill H.U. em Qua 21 Jan 2015, 09:33

- S-sim...tá...eu vou fazer o possível Dra Kingston e...


Tu Tu Tu


- Ela desligou na minha cara?...


Os olhos azuis incrédulos fitavam a parede do corredor, enquanto o ponto era desligado o ouvido.


- Ela realmente está brava, mas também quem não estaria...


A mão batia a boca espalmada.


- Cala-te-boca!


E logo os passos iam pelo corredor meio temerosos, os olhos claros encaravam a todos por cima dos óculos.


- Meu Deus...porque mesmo eu estou aqui..


Sr e Sra Valmont
Archibald’s
Aileen Donnely
e…Edward Edge
Somente celebridades….


A mao bateu a porta, e a garota magra usando uma saia social negra até a altura dos joelhos, colada ao corpo, em cintura alta, e uma camisa rosa, olhou a todos, abraçando o tablet contra o corpo.


- Boa Tarde...


Dizia pedindo a atenção de todos.


- Er...


Ficava um tempo perdida olhando a todos, e por fim os olhos pararam e Edge (lembra de mim? Eu mudei um pouco, mas...) e depois em Noah.


- Um momento por favor...

A garota se abanou um pouco, e  logo afastou o tablet do peito e encarou algo a tela, e depois a todos.


- Este lugar não é seguro, preciso que venham comigo! A pedido da Dra Kingston....


Era tudo que dizia, enquanto girava o corpo meio robótica e caminhava para fora da sala.


E sim ela realmente espera que vocês a sigam.


Será que ela mencionou que é importante?



Acho que esqueceu....


Nerd Misteriosa: http://static.comicvine.com/uploads/ignore_jpg_scale_small/11/113509/2701751-arrow.png

_________________
. Ortus eruditio et dux optimus .
avatar
Duxhill H.U.
Admin

Nacionalidade : Cambridge, USA
Idade : 161
Cargo : Almighty
Humor : Hell
Mensagens : 2090

http://theotherside.criaforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Qua 21 Jan 2015, 10:07

Quando Cappie lhe perguntou se ela não conhecia a história da Udinov perdida, Aileen limitou-se em balançar a cabeça, negando. E certamente teria que ficar para uma outra ocasião, já que agora era a hora de falar com os amiguinhos.

E não era exatamente animação nesse sentido ao se dirigir a Edge...

A verdade era que a situação ao todo a deixava inquieta.

Enfim, logo seguem para dentro da sala onde a reunião seria realizada. E pouco tempo depois, foi a vez de Noah chegar. A pergunta arrancou um sorriso de Aileen. Ela puxou os óculos para cima da cabeça, após ter a certeza que os olhos molhados não a entregariam.

- É bom te ver, Noah... – falou enquanto recebia o beijo e disfarçando o rosto quente diante do comentário tão... a cara dele.

E corado nas bochechas ser tão dela.

Diferente dos outros que começavam a se ajeitar, Aileen ficou de pé. Blake não demorou a aparecer e a sensação de ‘completo’ tomou conta da violinista. Abriu os braços para receber a ruiva num abraço apertado e sincero.

- Ah, estou bem. E relaxa... – sorriu ao se afastar para encará-la – Eu entendo. Os dias têm sido... tumultuados. Mas a gente encontra uma brecha. E agora... – olhou para os outros – Estamos todos juntos, de novo.

Suspirou...

Não se sentou, apenas cruzou os braços, notando o clima ácido entre Blake e Noah. Mas... isso também não fugia muito do habitual. Olhando para o grupo... nada tinha mudado tanto assim. E de certa forma... era reconfortante.

E também não.

Então, escutava Natalhie falar...

- Bem, começando pelo fato que na carta estava a foto de uma menina estrangulada na capa do jornal... é possível que realmente o assunto da reunião não seja sobre o jantar beneficente da irmã do Noah...

Viu, Nate?

Não era necessário informante para algo tão óbviiiiiio, dã-ã!

E olha como a Aileen é fofa... Você não está prestando atenção nela, mas os grandes e claríssimos olhos azuis, em quatro anos, estavam te encarando pela primeira vez, junto de um sorrisinho de canto.

Amigável?

Hmmm.

A atenção voltou-se para a menina que repentinamente entrou na sala. Aileen a encarou de maneira simpática, mas permaneceu em silêncio, apenas escutando. Ela estava bastante nervosa, o que a fez sentir pena da coitada. E perfeito... Mudança de planos. Levou uma das mãos até o rosto, o pressionando com leveza, numa massagem rápida para afastar o estresse. Não queria começar um joguinho novo... não mesmo.

Apenas um dia.

Nada mais.

Tentava se convencer...

Após a saída da garota, Aileen se virou para o grupo e sua expressão era de puro desânimo.

As férias pareciam ter chegado ao fim para eles.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Qua 21 Jan 2015, 11:42

Silêncio.

Edge sempre gostava de brincar que não era o protagonista, agir como se estivesse apenas ali de visitante. Funcionava na época de Kirsten, parou de funcionar na época de Noah e Aileen. Que droga. Mas tudo bem, as coisas continuam divertidas a aior parte do tempo, quando não é o dele que esta literalmente na reta.

Você teve 4 anos de paz Edge, hora da diversão.

E apenas ouvia e aguardava, virando a cabeça quando aquela garota entrou. Fechou levemente os olhos como se querendo ver melhor e inclinou levemente a cabeça. Ela era familiar...Quem seria? Óculos? Uma boa pista mas...E se não fosse ela? Advinhar o nome e errar não seria educado, e acertando ou não Nate não ia gostar nem um pouco. Não havia necessidade afinal.

- Desculpe mas...Nos conhecemos certo?

Ele não pode deixar de rir de maneira contida com ela se abanando daquele jeito. Olhou para os demais e aguardou enquanto ela saia, bem vamos lá.

- Será que January virou secretária da Rainha de Copas? Que coisa...

Balançou a cabeça negativamente e se levantava esperando Nate acompanha-lo para seguir ela, afinal ele sempre colaborava com o roteiro.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Noah Valmont em Qua 21 Jan 2015, 15:48

Aileen vermelha, algumas coisas não mudam.

Nem mesmo sua chatice não é, Blake?

Reviro os olhos quando ela fala de Clhoe - É, ela é muito...Caridosa...

Resmungo. E acho que você vai entender a qual caridade me refiro não, Blake?

- Fica tranquilo, sem ressentimentos. Eu devo ganhar só no quesito de paciência mesmo... - Digo com um sorriso a Edge, quanto ao comentário de não ser o namorado.

E logo entrava a nerd toda agitada.

Gatinha ela, não?

Arqueio a sobrancelha, ao ver ela correndo, chamando todo mundo.

- Isso já está ficando chato... - Me levanto devagar, passando a mão por trás do jaleco, sentindo minha arma no cós da calça.

Qual é! Se naquela época eu era neurótico, imagina nessa!

Espero todos irem, para ir atrás... O último do grupo.

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Blake Harris em Qua 21 Jan 2015, 16:05

Não é porque eu não aceitei sua poligamia que eu sou chata Noah, pra que eu deixei de ser vadia, se você nunca deixou de ser puto?
Vá a merda!

Blake ouvia Edge falar e sorria de canto de olhos para ele, rindo do que ele dizia.


- Pois é Edge...acho que você tem tara por entender as pessoas, enquanto prefiro foder com elas mesmo...

O sorriso se ampliava, Blake sendo Blake, algumas coisas não mudam não é?....

Encolhia os ombros quando ele falava sobre ela ser uma super agente ou sobre Vitto. E depois Noah.

- Acho que eu realmente sou uma retardada no quesito de escolha de namorados...Mas pensa pelo lado bom Edge, você pode ser amigo de todos eles, e sair com eles quando a Nate resolver usar o cinto de castidade fashion dela, hm?

Sentava-se a cadeira e começava a ler o jornal, enquanto ouvia Noah falar, os olhos ergueram-se até ele.


- O príncipe que diga...

Piscou pra Noah, ouvindo ele falar sobre paciência, e logo mandou um beijo pra ele, assoprando a mão.

- Foda-se..Gatinho...

E então a garota entrava, e Edge parecia logo reconhece-la.

Sorry crianças eu nunca fui muito de reparar nas nerds que não tinham capacidade de abanar pompons, ainda mais sendo uma Tri Pi.

E ela dizia aquilo e pedia para eles seguirem ela, Blake encolheu os ombros, e esperou todos saírem, para ao final ver que Noah fazia o mesmo, os olhos passara por ele, e ela apena sacudiu a cabeça em negativo, e ergueu-se da cadeira, caminhando pra fora da sala.

Obvio que tinha a arma a cintura, tinha que ter alguma vantagem naquele estagio não?....

Porque diabos estava com mau pressentimento?....

Aquela garota no jornal..não dava para ver o rosto....


Será que Alex sabia quem era?


O celular de imediato foi tirado do bolso da calça e logo ela discou rapidamente um numero, e pareceu aliviada quando atenderam.



- Hey Kiki...como está?....Já providenciou os Mini-Logans?.....


O sorriso vinha finalmente ao rosto da ruiva, e de fato, algumas coisas não mudam. Kirsten era sempre sua maior preocupação, de irmã, de mãe, a promessa para Jasper que nunca deixou de cumprir, embora foi difícil mesmo largar tudo e seguir com Noah.


- To resolvendo já Kiki...não, não to enrolando...sério....


Sempre teve aquele medo de estar fazendo a escolha errada...


A mão quase por instinto tocou o próprio pescoço junto ao colar que estava nele.


Não...



Eu não me arrependo, eu deveria, mas não....

Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Natalhie Archibald em Qua 21 Jan 2015, 16:15

Nate ouviu Aileen falar, e logo os olhos azuis foram aos dela.


Egde ela pediu...



- Você descobriu isto sozinha? Ou teve que dormir com alguém com algum tipo de neurônio para te ajudar a perceber?...


O olhar se desvio de Aileen no instante que a menina entrou na sala toda atrapalhada. E então Edge falava com ela, os olhos foram incisivos ao rapaz.


QUEM É ESTA LOUCA COM UM DIOR MODELO 1700 e guaraná com rolha Edge ?...


Sim me refiro a este óculos totalmente fora da atualidade.


OUT GLAM


MORRE


E Edge ainda sabia o nome dela, e tome bolsada no ombro dele.



- Você conhece esta nerd?....


Sentia então ele se erguer e puxa-la e ia seguindo ao corredor, com os olhos fixos em Noah, esperando uma resposta.
E ERA COM SER UMA BOA RESPOSTA EDWARD.


E nem ficava para ouvir a troca de farpas de Blake e Noah.



Me poupem até eu já passei do colegial na temporada!

Natalhie Archibald

Nacionalidade : London, UK
Idade : 23
Cargo : Estudante
Humor : Seletivo
Mensagens : 756

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Duxhill H.U. em Qua 21 Jan 2015, 16:22

QUE?


Ele falou comigo?...


January se limitou a olhar o nada por alguns instantes para ver se aquilo era uma ilusão, um pensamento criado, assim iria embora e ela não seria responsável por nada.


Mas logo virou o rosto e lá estava aquele rosto perfeito de Edge a sua frente, os olhos azuis e...


E o bico da Natalhie.


Meu Deus...


Ela podia me derreter com este ar de Medusa Update 2014.


- Eu..nãoooo lembro...Acho que vi voce na TV e alguns anúncios de roupas, quer dizer,calças, porque você estava sem camisa...e...


A mao espalmava quase tocando o rapaz, gesticulando na direçao do peitoral dele, lembrando exatamente de como ele era sem camisa.


Mas logo o olhar fuzilador de Nate a fazia recuar um passo, abraçando o tablet.


- Esqueçam o que eu falei...


E logo virou as costas e praticamente correu na direção da porta.


- Cala a boca Janu...


Cala a boca não fala seu nome.



E a menina limitou-se a guiar o grupo para fora do hospital, de lá seguiam a rua, na direção do beco que ficava atrás do  hospital, todos podiam ver quando ela se aproximava de um galpão, abria a porta do mesmo, e então estavam em uma estação de metro abandonada, e ela caminhava até uma maquina de snacks ao canto.

_________________
. Ortus eruditio et dux optimus .
avatar
Duxhill H.U.
Admin

Nacionalidade : Cambridge, USA
Idade : 161
Cargo : Almighty
Humor : Hell
Mensagens : 2090

http://theotherside.criaforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Qui 22 Jan 2015, 08:35

- Como nos velhos tempos...

Era o que dizia ja que Nate e Aileen não demoravam a agir como antes. Quem começou, quem esta errado, quem tem a razão...Não parece importante, vocês não são mais garotinhas de faculdade e deviam ter aprendido isso. Com respeito ao comentário e bolsada que foi absorvida pelo ombro de edge ele apenas deixou a boca entreaberta e meneou com a cabeça, em um gesto que a esposa conhecia: Ele não tinha certeza. Normal, eles nunca tinham certeza absoluta sobre nada. A expressão não melhorava e ele apanhava mais ao ouvir sobre como ela recordava de Edge...Valeu desconhecida.

E claro, Blake sendo Blake mais uma vez. Sorry mas Edge nunca foi de colaborar nas implicâncias com Nate, vai ser menos ainda em ajudar nas com Noah. Cuiroso né? Quem é o casal improvável? Mas no que dizia respeito ao resto, a própria Blake saia que aqueles comentários e atitudes eram a forma da ruiva lidar com as coisas. Talvez se você tivesse tido uma série de ex psicóticos e/ou malucos seria assim Edge. Ou não, vai saber. Não estou brincando de psicólogo hoje.

- Não, acho que isso elimina a quantidade de novos personagens da temporada. Ela e Cappie ja preencheram a vaga.

Se fosse um garoto da época de faculdade, social como é existia uma boa chance de Edge conhecer. Seria uma boa chance mesmo que ela fosse a tia que vendia sanduiches no intervalo ou o faxineiro, até mesmo o guarda do estacionamento. Entretanto sendo uma garota, Edge com certeza iria se lembrar especialmente depois dela dizer o próprio nome: Quando nate e Aileen trocava passos, Edge apertou o passo e passou a frente de January andando de costas. E claro que ele de cara pensou nela, mas a vontade de permanecer casado era superior, mas entre todas as Tri-Pis como não lembrar daquela que menos se esforçava para chamar atenção e mesmo assim conseguia a dele?

Esse é Edge, sempre desafiando a compreensão das demais...Apontou para ela com os dedos indicadores de ambas as mãos.

- January Lange! Eu ACHEI que era você no instante que entrou!Ok você talvez não tenha porque lembrar de mim, mas eu lembro de...

"De quando fomos até a sede Tri Pi no dia em que chegamos na faculdade nos apresentar, levamos bebida, enchemos a cara e começamos uma festa. Alias quase arrumamos confusão com a outra casa!"

Essa era a sequência natural da frase, mas algo dentro da mente de Edge dizia "Não, melhor não". Afinal de contas, Nate pode muito bem arrancar meu braço. E eu preciso de ambos os braços para bater palmas entre outras coisas. Ei! Alias foi quando nos conhecemos também Cappie! Sim senhor, você impediu que seus "amiguinhos" que preferiam pensar com os musculos me fizessem em pedaços, garantiondo que eu ia sair dali para sobreviver ao primeiro semestre e aos posteriores...

Ah os bons tempos!

- ...de você da faculdade! As outras garotas implicavam com você por uma série da razões idiotas e você estava sempre na biblioteca. Até me ajudou uma vez ou...Doze enquanto eu tentava entender fisíca. Nossa você virou a secretária da Dra. K? Então você é tipo uma vilã agora? Devia repensar suas escolhas de carreira...

Edge havia esquecido o PEQUENO detalhe que Nate deveria saber que ela não era uma ZBZ...Bem, foi um bom casamento durante 4 anos. Sempre se pode aprender a tocar guitarra com a outra mão!




Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Noah Valmont em Qui 22 Jan 2015, 10:05

Blake, por que você me enche tanto?

Resolvo ignorar ela, inclusive o foda-se... Até ver o movimento negativo de cabeça.

Educadamente, estendo a mão para ela, com um largo sorriso no rosto, mostrando o dedo mais famoso do mundo.

Pelo menos desta vez não tenho que te dar ela... Afinal você perdia todas enfiando na bunda!

Sigo o fluxo calmamente, até ver a nerdzinha bonitinha parar e ficar molhada ao lembrar do comercial de cuecas de Edge.

Ah meu saco...

- Ok, não tenho tempo para isso... - E quanto estava pronto para abandonar a trupe, eles voltam a andar.

Juro que se eu perder mais de duas horas nisso, vou usar a arma em mim mesmo.

Ou em Blake.

Permaneço com as mãos nos bolsos do jaleco, caminhando...Sempre em último do grupo.

Resmungo para Aileen – E pensar que você deve ter largado uma turnê cheio de fás histéricos para isso...

Sério, não tenho mais paciência não, negada.

Titio Noah está um velho rabugento.

Um velho meio pedófilo, devo acrescentar.

Noah Valmont

Nacionalidade : London, UK
Idade : 25
Cargo : Residente no DU
Humor : Obscuro
Mensagens : 395

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Qui 22 Jan 2015, 10:17

Adendo:

Edge, que era a única pessoa que alem de entender (mais ou menos) parecia LIGAR para Noah, percebia algo em suas reações e expressões enquanto falava com January e gritava para ele:

- Principe Valmont, nem tudo sempre é um mar de rosas se você lembra bem. Mas também sabe que a gente nunca teve muita escolha então...Qual é cara, eu to do seu lado e preciso de você. Sera que dentro das profundas trevas em seu coração a luz consegue ter um sentimento de compaixão com seus antigos colegas, pelos bons tempos?

Fazia um tom mais teatral e dramático quando começava a falar na parte do coração, apesar que Noah sabia que ele estava falando sério. Edge estava fazendo QUESTÃO de demonstrar como ele era anos atrás, por razões que só ele entendia. E nem eram tão complexas assim, ele só queria se divertir enquanto era possível. O que é a vida sem diversão.

- Olha só, eu vou repetir uma coisa que todos vocês sabem: Não precisamos sair andando todos de mãos dadas cantando rumo ao por do sol, mas vocês sabem que se for como antes, PRECISAMOS estar juntos nessa. Eu sei quem aqui odeia quem e porque, mas isso não importa agora. Vamos apena resolver isso que podem seguir com as vidinhas de vocês até a próxima temporada ok? Eu posso agendar algumas sessões de casal se alguém preferir.

E olhava para Blake, e piscava. Mais uma vez, quem é o casal problema?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Convidado em Qui 22 Jan 2015, 10:24

Sua resposta não a alcança, Natalhie, pois Aileen já tinha virado o rosto para qualquer outro ponto, te ignorando. Mas o sorrisinho ainda demorou para sumir... e era apenas o começo, ou recomeço.

E parece que Nate vai ter mais trabalho, e dessa vez, não por culpa da ex-melhor-amiga e sabe-se lá mais o quê. Agora também, não era hora de perder tempo com isso... Mas para ela nunca existia um horário adequado mesmo.

A garota se atrapalhava nas próprias palavras e Aileen chegou a arquear as sobrancelhas.

E voltou a olhar para Natalhie, sentindo mais pena da tal January.

Enfim...

Foi uma das primeiras a abandonar a sala de reunião, seguindo-a, em silêncio. No entanto, foi ficando meio receosa quando tiveram que abandonar o hospital... Não parecia ser muito seguro, e...

Era a paranoia fazendo a sua adorável manipulação.

Culpa de Duxhill e seus fantasmas...

Fantasmas?

Péssima hora para pensar nisso, Aileen.

Estava com a mente meio longe, até Noah se aproximar com uma tromba gigantesca. Aileen sorriu para ele e fez um aceno rápido.

- Não é tão ruim assim, Noah... - mas não convencia nem a si mesma com essa frase manjada – Pelo menos nos reencontramos. Estava sentindo falta de todos... – suspirou – Não que isso ajude muito – piscou, rindo em seguida .

Mas a risada saiu trêmula e os olhos não estavam tão calorosos e suaves como a voz dela...

- Só estou tentando entender... – falava com cuidado, olhando para frente – O que uma garota morta tem a ver com a gente. Especificamente. Uma notícia triste e cruel, mas...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Blake Harris em Qui 22 Jan 2015, 10:45


Blake Harris

Nacionalidade : Americana
Idade : 24
Cargo : Head Cheerleader
Humor : Cinica
Mensagens : 623

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O jogo tem que continuar - O reencontro!

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum